sicnot

Perfil

País

Marcha lenta em Lisboa apela ao fim do conflito na Ucrânia

Marcha lenta em Lisboa apela ao fim do conflito na Ucrânia

Cerca de 200 ucranianos manifestaram-se ao final da manhã em Lisboa contra a guerra entre a Rússia e a Ucrânia. Na marcha lenta, que partiu do Terreiro do Paço com destino ao Largo Camões, esteve presente a embaixadora da Ucrânia em Portugal. A iniciativa fez parte de um movimento europeu, já que milhares de ucranianos desfilam hoje em várias cidades europeias a apelar ao fim do conflito que começou há já dois anos. Por cá, foi também entregue uma carta ao presidente da Assembleia República para sensibilizar o Governo para esta questão, como deixou claro Pavlo Sandokan, da Associação de Ucranianos em Portugal.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.