sicnot

Perfil

País

Mãe de jovem encontrado morto em Portimão ouvida como testemunha

A mãe do jovem encontrado hoje morto em Portimão foi ouvida pelos inspetores da Polícia Judiciária "sempre na qualidade de testemunha", disse à agência Lusa fonte policial.

De acordo com esta fonte, a mãe do menor foi inquirida várias vezes pela investigação nessa condição e não é neste momento suspeita no processo, tendo já regressado a sua casa após mais uma inquirição.

Durante as diligências já realizadas, os inspetores da PJ "encontraram indícios de crime", acrescentando esta fonte que há suspeita de que "o menor foi vítima de homicídio" e que as investigações vão prosseguir.

O corpo do rapaz, de 15 anos, foi descoberto pouco depois das 9:00 desta quarta-feira num terreno de ervas, mato e oliveiras, entre o sítio das Vendas e o Malheiro, no concelho de Portimão, junto ao hospital da cidade.

O rapaz frequentava um curso de Cozinha na cidade vizinha de Lagoa, tendo faltado às aulas três dias antes de o seu desaparecimento ter sido comunicado, no dia 22 de fevereiro, pela mãe, às autoridades.

Lusa

  • O desaparecimento de Rodrigo Lapa, segundo a mãe
    2:50

    País

    Rodrigo Lapa, cujo corpo foi hoje encontrado em Portimão, estava desaparecido há mais de uma semana. Em entrevista à SIC esta semana, a mãe, Célia Barreto, falou do dia em que o filho partiu para a escola e não voltou.

  • Corpo de jovem desaparecido encontrado perto de casa
    4:07

    País

    O corpo de Rodrigo Lapa, o jovem de 15 anos que estava desaparecido no Algarve, foi hoje encontrado perto de onde vivia. O cadáver estaria tapado por alguns ramos. A mãe do jovem já esteve local e foi entretanto levada para as instalações da PJ de Portimão. A jornalista da SIC Conceição Ribeiro dá conta do que se sabe até ao momento.

  • Polícia belga deteve homem que conduzia entre a multidão em Antuérpia

    Mundo

    Foi hoje detido um homem que conduzia a alta velocidade no meio da multidão numa zona comercial de Antuérpia, na Bélgica. O suspeito já foi identificado, é francês e tinha várias armas no carro. As autoridades francesas suspeitam que o homem estava bêbedo e a tentar escapar à polícia, mas as autoridades belgas ainda não confirmaram esta versão.

    Em desenvolvimento

  • Neve corta estradas em Viseu
    2:04
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • As vantagens de comprar online
    8:03