sicnot

Perfil

País

Ministra da Administração Interna diz que é necessário reforçar prevenção do terrorismo

A ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, disse hoje que é necessário reforçar a prevenção e combate ao terrorismo, estando a ser avaliadas futuras medidas legislativas.

Constança Urbano de Sousa assegurou a presença de portugueses no novo centro "até para promover a partilha de informações entre todas as autoridades". (Arquivo)

Constança Urbano de Sousa assegurou a presença de portugueses no novo centro "até para promover a partilha de informações entre todas as autoridades". (Arquivo)

SIC

"As medidas legislativas que possam ser (tomadas) ainda estão em fase de avaliação. Neste momento, temos um quadro muito reforçado, mas há algo que temos de reforçar em matéria de prevenção e combate ao terrorismo, que é a partilha de informação entre todas as forças e serviços de segurança", disse Constança Urbano de Sousa, no parlamento.

No âmbito da discussão, na especialidade, da proposta de Orçamento do Estado para 2016, a ministra da Administração Interna está a ser ouvida na Assembleia da República, numa audição conjunta das comissões parlamentares de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa e de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias.

Constança Urbano de Sousa adiantou que a prevenção é o "objetivo verdadeiramente estratégico no combate" ao terrorismo.

A esse respeito, referiu que, desde o Natal, existe um modelo de policiamento diferente, designadamente nos locais onde existe uma grande concentração de pessoas.

Segundo a ministra, este reforço do policiamento tem "uma função muito preventiva, não só para fenómenos de terrorismo, mas da criminalidade em geral".

Lusa

  • Governo garante que inspetores do SEF controlam todas as fronteiras externas
    0:41

    País

    O Governo garante que todas as fronteiras externas de Portugal estão a ser controladas por inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF). A ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, desmente as denúncias do Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização que diz não haver inspetores suficientes em todas as fronteiras.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.