sicnot

Perfil

País

Autarcas querem suspensão de portagens no troço que aluiu na A41

Autarcas querem suspensão de portagens no troço que aluiu na A41

Os autarcas da Maia e Valongo pedem a suspensão imediata do pagamento de portagens no troço da A41 que aluiu, no mês passado, uma parte da autoestrada. Os municípios consideram inadmissível o tempo previsto pela subconcessionária para o fim da obra.

  • Buraco na A41 provoca filas de espera
    2:06

    País

    A destruição de parte do piso da autoestrada 41 na zona de Alfena, sentido Valongo-Matosinhos provocou esta segunda-feira longas filas de espera.Muitos automobilistas foram apanhados desprevenidos com o aluimento da via. A concessionária não sabe quando o trânsito vai regressar à normalidade.

  • GNR aconselha alternativas à A41
    1:16

    País

    A A41 continua cortada no sentido Valongo-Porto por causa do desabamento do piso. No sentido contrário, o trânsito está condicionado. Os automóveis estão a circular pela via lateral. A GNR pede à população que utilize em alternativa a Nacional 105 ou as Autoestradas 3 e 4.

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Football Leaks

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornal Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Football Leaks

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.