sicnot

Perfil

País

Cavaco preside ao Conselho de Ministros num dos últimos atos públicos na Presidência

Com alguns minutos de atraso, o Presidente da República chegou hoje ao Forte de São Julião da Barra, em Oeiras, para presidir à reunião do Conselho de Ministros, um dos últimos atos públicos que terá enquanto chefe de Estado.

SIC

Quando o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, saiu do carro para cumprimentar o primeiro-ministro, já todos os ministros de António Costa estavam alinhados a alguns metros de distância.

Um a um, foram cumprimentados pelo chefe de Estado, que depois tirou uma foto com todo o elenco governativo.

Além dos ministros, estão também presentes neste Conselho de Ministros especial a secretária de Estado Adjunta do primeiro-ministro, Mariana Vieira da Silva, o secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros, Miguel Prata Roque, o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Pedro Nuno Santos, e o secretário de Estado das Pescas, José Apolinário.

A seguir à fotografia, ministros e secretários de Estado dirigiram-se para o interior do edifício, deixando Cavaco Silva e António Costa alguns minutos a sós, tempo que aproveitaram para ver o mar e trocar algumas palavras.

Esta é a primeira vez desde que chegou à Presidência da República que Cavaco Silva irá presidir à reunião do Conselho de Ministros, a convite do primeiro-ministro.

O mar, uma das questões mais 'acarinhadas' por Cavaco Silva na Presidência da República, será o tema exclusivo desta reunião, estando prevista a aprovação de alguns diplomas.

No final da reunião, o Presidente da República e o primeiro-ministro farão uma declaração à comunicação social.

De acordo com o artigo 133 da Constituição, faz parte das competências do Presidente da República "presidir ao Conselho de Ministros, quando o primeiro-ministro lho solicitar", sendo esta a primeira vez que tal acontece nos mandatos de Cavaco Silva.

Este será um dos últimos atos públicos de Cavaco Silva, que termina o seu mandato a 09 de março, com a posse do futuro chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa.

Lusa

  • ANACOM apresenta recomendações para melhorar redes de telecomunicações
    1:17

    País

    A ANACOM entregou um conjunto de recomendações ao Governo, Parlamento, municípios e operadores de telecomunicações. A autoridade reguladora em Portugal das comunicações eletrónicas propõe que os cabos aéreos de telecomunicações sejam substituídos por cabos subterrâneos, entre outras coisas. O objetivo é impedir que as redes fiquem em baixo perante incêndios ou outras catástrofes.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.

  • Atividade económica regista crescimento

    Economia

    A atividade económica portuguesa está a crescer ao maior ritmo dos últimos 17 anos. O crescimento registado em setembro é o mais elevado desde janeiro de 2000. Já o consumo privado registou uma diminuição face a agosto.

    SIC