sicnot

Perfil

País

Cavaco preside ao Conselho de Ministros num dos últimos atos públicos na Presidência

Com alguns minutos de atraso, o Presidente da República chegou hoje ao Forte de São Julião da Barra, em Oeiras, para presidir à reunião do Conselho de Ministros, um dos últimos atos públicos que terá enquanto chefe de Estado.

SIC

Quando o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, saiu do carro para cumprimentar o primeiro-ministro, já todos os ministros de António Costa estavam alinhados a alguns metros de distância.

Um a um, foram cumprimentados pelo chefe de Estado, que depois tirou uma foto com todo o elenco governativo.

Além dos ministros, estão também presentes neste Conselho de Ministros especial a secretária de Estado Adjunta do primeiro-ministro, Mariana Vieira da Silva, o secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros, Miguel Prata Roque, o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Pedro Nuno Santos, e o secretário de Estado das Pescas, José Apolinário.

A seguir à fotografia, ministros e secretários de Estado dirigiram-se para o interior do edifício, deixando Cavaco Silva e António Costa alguns minutos a sós, tempo que aproveitaram para ver o mar e trocar algumas palavras.

Esta é a primeira vez desde que chegou à Presidência da República que Cavaco Silva irá presidir à reunião do Conselho de Ministros, a convite do primeiro-ministro.

O mar, uma das questões mais 'acarinhadas' por Cavaco Silva na Presidência da República, será o tema exclusivo desta reunião, estando prevista a aprovação de alguns diplomas.

No final da reunião, o Presidente da República e o primeiro-ministro farão uma declaração à comunicação social.

De acordo com o artigo 133 da Constituição, faz parte das competências do Presidente da República "presidir ao Conselho de Ministros, quando o primeiro-ministro lho solicitar", sendo esta a primeira vez que tal acontece nos mandatos de Cavaco Silva.

Este será um dos últimos atos públicos de Cavaco Silva, que termina o seu mandato a 09 de março, com a posse do futuro chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.