sicnot

Perfil

País

Marcelo promete afetos, proximidade, simplicidade e estabilidade em Belém

O Presidente da República eleito, Marcelo Rebelo de Sousa, disse hoje que "afetos, proximidade, simplicidade e estabilidade" foram as ideias da campanha que quer que presidam ao exercício do cargo, considerando que todos os seus antecessores serviram positivamente Portugal.

IN\303\201CIO ROSA

No discurso durante o lançamento do livro "Afetos", do fotógrafo Rui Ochoa e que reúne algumas das fotografias da campanha para as eleições presidenciais, Marcelo Rebelo de Sousa explicou que "afetos, proximidade, simplicidade e estabilidade foram ideias da campanha" e que deseja "que venham a presidir" ao mandato que iniciará na quarta-feira, com a tomada de posse na Assembleia da República.

Admitindo que "muito depende da realidade" para que isso se concretize, o Presidente da República eleito destacou que "o objetivo cimeiro é o serviço dos portugueses" e antecipou uma ideia que defende num artigo que será publicado no semanário Expresso sobre a história dos Presidentes da República em Portugal.

"Pensando só nos Presidentes em democracia, há que reconhecer que todos eles serviram, de acordo com os seus diversos estilos, de uma forma claramente positiva os portugueses e Portugal", enalteceu.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".