sicnot

Perfil

País

Incêndio destrói restaurante na praia de Armação de Pêra

O incêndio que hoje deflagrou num restaurante localizado junto à praia de Armação de Pêra, no concelho de Silves, destruiu o estabelecimento, disse fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro.

A mesma fonte disse à agência Lusa que o alerta foi recebido às 16:00 e que, quando as equipas de emergência chegaram ao local, o restaurante "já estava tomado pelo fogo" e não foi possível extinguir o incêndio antes de o local "arder por completo".

"Faz-se neste momento o rescaldo", precisou a fonte do CDOS, frisando que ainda estavam no local, às 19:00, as corporações de bombeiros de Silves e de Albufeira, a GNR e a Polícia Marítima, num total de oito veículos e 23 operacionais, precisou a fonte do CDOS.

Fonte da autarquia de Silves disse à Lusa que o incêndio tinha afetado um restaurante pertencente ao empreendimento turístico Vila Vita, na praia dos Pescadores, ao lado do local onde estão os barcos de pesca tradicional de Armação de Pêra.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".