sicnot

Perfil

País

Rei de Espanha na tomada de posse de Marcelo Rebelo de Sousa

O Rei de Espanha, Felipe VI, estará presente na tomada de posse de Marcelo Rebelo de Sousa como novo Presidente da República de Portugal, na quarta-feira, anunciou hoje a Casa Real espanhola.

Felipe VI, Rei de Espanha.

Felipe VI, Rei de Espanha.

© POOL New / Reuters

Marcelo Rebelo de Sousa vai jurar a Constituição original de 1976, perante 550 convidados no Parlamento decorado para a posse do novo Presidente com cerca de duas mil rosas com as cores da bandeira nacional.

Tal como há dez anos, a cerimónia de tomada de posse do novo Chefe de Estado terá a particularidade de dispor na mesa da Assembleia da República três cadeiras de Presidente, mas desta vez conta com uma inédita acreditação: a rádio de Celorico de Basto.

A Constituição original de 1976, datilografada e encadernada a vermelho com letras douradas, será o exemplar da Lei Fundamental usado para Marcelo Rebelo de Sousa jurar cumprir e fazer cumprir.

Toda a Assembleia da República estará mobilizada para o acontecimento, de tal forma que os bares vão abrir mais cedo, pelas 7:30, mas a grande responsabilidade recai na divisão de Protocolo e no gabinete de Relações Públicas, que se regem pelo chamado cerimonial, um guião, com regras e horários discriminados mas que sofre adaptações.

"A base de todas as posses encontra-se escrita há muito tempo, mas é evolutivo. Vamos buscar o cerimonial de há dez anos e adaptar a algumas questões e circunstâncias colocadas no 25 de Abril", contou à Lusa Manuela Azóia, do Protocolo da Assembleia da República.

A cerimónia do 25 de Abril é o grande exercício de cerimonial anual do parlamento e há especificidades importantes da tomada de posse do Presidente que na primeira já existiram e depois caíram em desuso: a sessão de cumprimentos é a mais relevante.

A ordem de precedência de cumprimentos dos convidados está escrita a 'bold' no cerimonial e foi nesse passo que há cinco anos o então primeiro-ministro José Sócrates protagonizou uma falha de protocolo, ao atrasar-se para ser o primeiro a cumprimentar o Presidente.

O exercício de evolução do guião para quarta-feira que teve de fazer Rita Ferreira, diretora do Gabinete de Relações Internacionais e Protocolo, levou em conta a inexistência de cônjuge do Presidente eleito que vá tomar o lugar da mulher do Presidente cessante, Maria Cavaco Silva.

A questão tem sido muito mediatizada mas no parlamento resume-se a um passo: "O momento em que os dois Presidentes da República trocam de posição. Esse momento não tem reflexo relativamente à tribuna em que está a anterior primeira-dama, porque não há nova primeira-dama para trocar. É a tal adaptação à realidade concreta", contou Rita Ferreira à Lusa.

  • The Marcelo Rebelo de Sousa Show
    12:47

    Reportagem Especial

    Um novo Presidente da República entra em funções já na quarta-feira. E promete ser um Chefe de Estado muito diferente de Cavaco Silva dos últimos 10 anos. Os primeiros sinais foram dados logo na campanha eleitoral em que Marcelo surpreendeu tudo e todos com um registo até agora nunca visto na política portuguesa. Na Reportagem Especial, revisitamos os momentos mais marcantes desse período que explicam como um homem quase sozinho derrotou nove adversários à primeira volta.

  • Marcelo Rebelo de Sousa participa no último ato enquanto professor universitário
    0:19

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa participou hoje, no Porto, no último ato enquanto professor universitário. O Presidente da República eleito esteve na defesa da tese de doutoramento do vice-presidente do CDS, Diogo Feio. Apesar de ter sido questionado várias vezes pelo jornalistas, Marcelo recusou responder a qualquer pergunta sobre a atualidade. A tomada de posse do novo Chefe de Estado decorre na próxima quarta-feira. O Presidente da República eleito reconhece que vai sentir saudades do trabalho académico.

  • Marcelo tinha prometido voltar para um café e um bagaço se ganhasse e voltou
    2:26

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa diz que até ao dia 9 de Março "não acha nada" sobre qualquer tema da atualidade. O Presidente da República eleito recusou-se assim a comentar temas como a entrevista do Governador do Banco de Portugal ou as declarações da bastonária da Ordem dos Enfermeiros sobre a eutanásia. Marcelo cumpriu hoje uma promessa eleitoral de voltar a visitar uma utente da Santa Casa da Misericórdia do Barreiro.

  • Pablo Bravo: o chileno suspeito de um assalto milionário em Gaia
    6:01

    País

    As autoridades receiam um aumento da violência nos assaltos de redes sul-americanas em Portugal, à semelhança do que tem acontecido noutros países europeus. Pablo Bravo é um chileno com um longo cadastro criminal que, em Portugal, é suspeito de um assalto milionário a um hipermercado, em Gaia e, dias depois, foi detido em flagrante, em Paris, a tentar roubar uma loja de relógios de luxo.

    Notícia SIC

  • Obras para as novas instalações da SIC já começaram
    1:54

    País

    As obras do novo estúdio da SIC e SIC Notícias vão começar. A ampliação do edifício do grupo Impresa vai unir os funcionários do grupo num único espaço, com uma área de 750 metros. O Presidente da Câmara de Oeiras entregou esta terça-feira a licença de obra.

  • Cada vez mais pessoas viajam no Carnaval e Páscoa
    3:08

    Economia

    A procura de viagens na altura do Carnaval e Páscoa tem vindo a aumentar e vários destinos já estão esgotados já que muitas pessoas optam por tirar dias de férias nesta altura do ano. Em contagem decrescente, as agências de viagens não têm tido mãos a medir com promoções e ofertas para destinos variados e adequados a várias bolsas.

  • As crianças que estão a morrer à fome em África

    Mundo

    A UNICEF alertou esta terça-feira que a má nutrição aguda que afeta a Nigéria, Somália, Sudão do Sul e Iémen coloca este ano em "iminente" risco de morte 1,4 milhões de crianças devido à fome que existe naqueles países. São milhares de casos de um incessante desespero numa luta diária pela sobrevivência.

  • Mundo tornou-se "mais sombrio e mais instável" em 2016

    Mundo

    O mundo tornou-se em 2016 "um local mais sombrio e mais instável", devido ao agravamento de conflitos como a Síria e dos "discursos do ódio" na Europa e Estados Unidos, considerou hoje a Amnistia Internacional no seu relatório anual.

  • Semáforos no chão para os mais distraídos

    Mundo

    Na cidade holandesa de Bodegraven, está a ser testado um sistema de semáforos para quem usa o telemóvel na rua. Estes semáforos têm a forma de faixas, que são colocadas no chão, e a luz muda de cor consoante o trânsito, tal como os semáforos já existentes.

    André de Jesus

  • Carro "desgovernado" entra em loja e atropela cliente

    Mundo

    O cliente de um mini-mercado no condado de Bronx, em Nova Iorque, sobreviveu de forma incrível ao impacto de um automóvel que entrou loja adentro. Apesar da violência das imagens, o homem sobreviveu e conseguiu mesmo sair da loja pelo próprio pé até ser transportado para o hospital.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.

  • Pulseira deixa sentir os movimentos do bebé ainda na barriga da mãe

    Mundo

    A pulseira Fibo permite que os futuros pais (ou mães) consigam sentir os seus filhos a dar pontapés ainda na barriga da mãe. Desenvolvida por um designer de joias da Dinamarca, a pulseira vai transmitir os movimentos do bebé no útero, de modo a que os pais possam partilhar essa experiência da gravidez.

  • Cães desfilam no Rio de Janeiro
    1:00

    Mundo

    O tradicional cortejo de Carnaval brasileiro só acontece daqui a uns dias, mas no Rio de Janeiro já há inúmeros desfiles pelas ruas. Na praia de Copacabana, os animais mascararam-se de humanos.