sicnot

Perfil

País

O tempo para hoje

O tempo para hoje

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje no continente céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de muito nublado nas regiões norte e centro até ao meio da tarde e possibilidade de ocorrência de aguaceiros fracos nas regiões norte e centro até meio da tarde que serão de neve acima dos 1000/1200 metros.

Está também previsto vento fraco a moderado do quadrante norte, soprando moderado a forte com rajadas até 70 quilómetros por hora no litoral oeste e nas terras altas, acentuado arrefecimento noturno, formação de gelo ou geada, em especial nas regiões do interior e neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais.

Para a Madeira a previsão aponta para céu geralmente muito nublado, com abertas nas vertentes sul, aguaceiros fracos nas vertentes norte e nas terras altas e vento moderado a forte de nordeste.

Nos Açores prevê-se céu geralmente muito nublado, períodos de chuva fraca e vento sul moderado a fresco.

Quanto às temperaturas, em Lisboa vão oscilar entre 09 e 15 graus Celsius, no Porto entre 07 e 15, em Vila Real entre 02 e 12, em Viseu entre 01 e 11, em Bragança entre 01 e 13, na Guarda entre 01 e 08, em Coimbra entre 05 e 14, em Castelo Branco entre 02 e 15, em Santarém entre 08 e 16, em Évora e Beja entre 04 e 15, em Faro entre 08 e 17, no Funchal entre 14 e 20, em Ponta Delgada entre 11 e 16, em Angra do Heroísmo entre 13 e 17 e em Santa Cruz das Flores entre 15 e 18.

Com Lusa

  • José Eduardo dos Santos há 38 anos no poder
    2:42

    Mundo

    José Eduardo dos Santos foi o segundo Presidente com mais tempo de liderança a nível mundial, quase 38 anos. Este ano, anunciou que não voltaria a concorrer às eleições, mas mantêm-se, por enquanto, como presidente do MPLA. No dia em que os angolanos foram às urnas para escolher o seu sucessor, apresentamos a vida de José Eduardo dos Santos.

  • Dono de submarino é o único suspeito da morte de jornalista sueca
    1:51

    Mundo

    A polícia dinamarquesa confirmou que o corpo decapitado encontrado junto ao mar, perto de Copenhaga, é o da jornalista sueca desaparecida há mais de 10 dias. Kim Wall estava a fazer uma reportagem sobre um submarino artesanal com o criador, que é agora o principal suspeito do crime. Parte do corpo foi encontrada na segunda-feira e identificada através de exames de ADN.