sicnot

Perfil

País

Moreira aceita apoio "de todos partidos" mas concorre como independente

O independente Rui Moreira vai voltar a ser candidato independente à Câmara do Porto e "aceitará o apoio de todos os partidos que queiram apoiá-lo" nas autárquicas de 2017, revelou hoje o seu adjunto na autarquia.

JOS\303\211 COELHO

"Rui Moreira não será candidato por nenhum dos partidos que o apoiam. Será candidato independente e aceitará o apoio de todos os partidos que queiram apoiá-lo. Isso em nada condicionará o seu programa", disse à Lusa Nuno Santos.

O assessor do presidente da Câmara do Porto reagiu desta forma ao anúncio feito no domingo pela nova líder do CDS-PP, Assunção Cristas, de que vai propor a renovação do apoio ao independente Rui Moreira, se este se recandidatar à Câmara do Porto.

"Posso dar o exemplo da Câmara do Porto: o CDS apoiou desde a primeira hora a candidatura independente de Rui Moreira e com ele temos governado a autarquia. Se ele decidir candidatar-se de novo proporei aos órgãos do CDS a renovação do apoio à sua candidatura", anunciou Cristas, no discurso de encerramento do 26.º Congresso do CDS-PP.

Rui Moreira foi o primeiro candidato independente a conquistar a Câmara do Porto depois de vencer as eleições autárquicas de 2013, derrotando o candidato do PSD, Luís Filipe Menezes, e o do PS, Manuel Pizarro.

O autarca tem na equipa um ex-vereador do CDS (Manuel Sampaio Pimentel, vereador da Fiscalização e Proteção Civil) e uma ex-vereadora do PSD do mandato do antecessor, Rui Rio (Guilhermina Rego, vice-presidente e vereadora da Educação, Organização e Planeamento).

Depois das eleições, Moreira fez um acordo com o PS, atribuindo pelouros a dois dos três vereadores eleitos.

  • Sessão solene no Parlamento e desfile popular nas celebrações do 25 de Abril

    País

    Os 43 anos da Revolução dos Cravos são hoje comemorados com a sessão solene no Parlamento e o tradicional desfile popular, tendo o Presidente da República escolhido o 25 de Abril para condecorar, a título póstumo, Francisco Sá Carneiro. A SIC Notícias acompanha esta manhã a sessão solene na Assembleia da República. Veja aqui em direto.

  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • ASAE encerra em média um restaurante por dia
    1:33
  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.