sicnot

Perfil

País

Consumo de leite continua a descer, leguminosas em níveis baixos

O consumo de leite em Portugal voltou a sofrer uma redução em 2014, uma tendência que se mantém desde 2009, segundo um relatório da Direção-geral da Saúde (DGS).

Considerado pela própria DGS como um "super alimento de baixo custo", o grupo do leite e derivados sofreu de 2013 para 2014 uma diminuição de 2,6%.

"De registar a redução consecutiva da disponibilidade do leite e seus derivados desde 2009 e a baixa e estável disponibilidade de leguminosas ao longo dos últimos cinco anos, apesar da divulgação regular das suas vantagens nutricionais e fornecimento de proteína a baixo custo", refere o relatório "Portugal -- Alimentação Saudável em Números 2015".

Durante a apresentação do documento, o coordenador do Programa Nacional de Promoção da Alimentação Saudável, Pedro Graça, sublinhou o "consumo baixíssimo" de grão e feijão -- alimentos considerados saudáveis e completos - , lembrando que são produtos "sem marcas" e, por isso, "sem padrinhos" que os promovam ou lhes façam publicidade.

Preocupante, segundo o responsável, é ainda o indicador que mostra que aumentou, entre 2002 e 2014, o número de adolescentes que raramente ou nunca comem hortícolas e fruta.

Em 2002, 5,7 por cento dos adolescentes raramente ou nunca consumiam fruta e 11,7% não comiam fruta, enquanto em 2014 esses valores passaram, respetivamente, para 9% e 14,6%.

Lusa

  • Será que lavar em lavandarias self-service compensa?
    8:21
  • "Não se pode voltar atrás, o povo de Deus confirmou a necessidade deste Papa"
    3:15
  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Primeira dama chinesa defende avanços na igualdade

    Mundo

    A primeira dama chinesa, Peng Liyuan, defendeu os avanços da China em matéria de igualdade dos géneros. Uma rara entrevista, difundida numa altura em que feministas chinesas asseguram serem controladas pela polícia face às suas campanhas.