sicnot

Perfil

País

Dispositivo de combate a incêndios tem orçamento superior a 70 milhões euros

O dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais (DECIF) vai ter este ano um orçamento superior a 70 milhões de euros, verba idêntica à de 2015, anunciou esta quinta-feira a ministra da Administração Interna.

A maioria dos incêndios teve origem em relâmpagos, enquanto as causas dos restantes permanecem desconhecidas.

A maioria dos incêndios teve origem em relâmpagos, enquanto as causas dos restantes permanecem desconhecidas.

"O investimento público com o DECIF só no âmbito do Ministério da Administração Interna é superior a 70 milhões de euros", disse Constança Urbano de Sousa, durante a cerimónia pública de apresentação do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais para 2016, que decorreu na Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), em Carnaxide.

Numa época de incêndios que começa a 15 de maio e termina a 15 de outubro, os meios de combate vão estar disponíveis de forma faseada, estando na sua capacidade máxima entre 01 de julho e 30 de setembro, a chamada "fase Charlie".

A época mais crítica em incêndios florestais vai este ano contar com um total de 9.708 operacionais, 2.235 equipas, 2.043 viaturas e 47 meios aéreos, um dispositivo idêntico ao de 2015.

Lusa

  • "São Tomé e Príncipe é prioritário para Portugal"
    0:52

    País

    A cooperação com São Tomé e Príncipe é prioritária para Portugal, defendeu Marcelo Rebelo de Sousa à chegada ao país para uma visita de três dias. O Presidente da República sublinhou também que é preciso ultrapassar os bloqueios dos últimos anos.

  • Encontrados destroços do avião que caiu no Irão

    Mundo

    As autoridades iranianas encontraram destroços do avião que caiu no domingo no sudeste do país, matando as 66 pessoas que seguiam a bordo, revelou um porta-voz da Guarda Revolucionária, o exército de elite do regime.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13