sicnot

Perfil

País

Início de semana com chuva, granizo e queda de neve

O início de semana vai ser marcado pela continuação da chuva, que poderá ser de granizo, e acompanhada por trovoadas e queda de neve nos 1.200/1.400 metros, adiantou à agência Lusa o meteorologista Bruno Café.

© Mike Hutchings / Reuters

"Hoje e terça-feira vão ser dias com períodos de céu muito nublado. Vamos continuar com regime de aguaceiros, que poderão ser de granizo e sob a forma de neve nos 1.200/1.400 metros. Na terça-feira, a quota sobe para 1.400/1.600", disse à Lusa o meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com Bruno Café, estão também previstas condições favoráveis à ocorrência de trovoadas, o vento vai soprar em geral fraco do quadrante norte, sendo moderado a forte nas terras altas, formação de gelo e geada e neblinas ou nevoeiro matinal.

"Em termos de temperaturas, não estamos a prever grandes alterações. Na generalidade do território vão variar entre os 15 e os 20 graus Celsius, sendo que, no interior norte e centro, serão entre os 10 e os 15, e as mínimas vão situar-se entre os 05 e os 10, que no interior serão entre os zero e os 05 graus.

Segundo o especialista do IPMA, a tendência de chuva vai manter-se pelo menos até quarta-feira, sendo que na sexta-feira deverá regressar.

O IPMA prevê para hoje no continente períodos de céu muito nublado, aguaceiros, em especial durante a tarde e nas regiões centro e sul, que poderão ser por vezes de granizo e que serão de neve acima de 1.200/1.400 metros e condições favoráveis à ocorrência de trovoada.

Está também previsto vento em geral fraco do quadrante norte, soprando temporariamente moderado nas terras altas e na faixa costeira ocidental, formação de gelo ou geada nas regiões do interior norte e centro e neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais.

Para a Madeira, o instituto estima períodos de céu muito nublado, aguaceiros, em especial nas vertentes norte e nas terras altas, que serão de neve nos pontos mais altos da ilha, vento moderado a forte do quadrante norte, soprando temporariamente forte com rajadas até 70 quilómetros por hora nas terras altas.

Nos Açores, a previsão aponta para céu geralmente muito nublado, períodos de chuva fraca ou chuvisco, passando a aguaceiros fracos e vento bonançoso a moderado.

Quanto às temperaturas, em Lisboa vão oscilar entre 08 e 16 graus Celsius, no Porto entre 07 e 17, em Viana do Castelo entre 07 e 18, em Vila Real entre 05 e 15, em Viseu entre 04 e 14, em Bragança entre 03 e 14, na Guarda entre 02 e 08, em Castelo Branco entre 06 e 14, em Coimbra entre 07 e 16, em Santarém entre 07 e 17, em Évora entre 03 e 15, em Beja entre 04 e 15, em Faro entre 07 e 16, no Funchal entre 13 e 19, em Ponta Delgada entre 11 e 16, em Angra do Heroísmo entre 11 e 18, e em Santa Cruz das Flores entre 13 e 18.

Lusa

  • O tempo para hoje
    0:26

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje períodos de céu muito nublado. Aguaceiros, em especial durante a tarde e nas regiões Centro e Sul, que poderão ser por vezes de granizo e que serão de neve acima de 1200/1400 metros. Condições favoráveis à ocorrência de trovoada. Vento em geral fraco (inferior a 20 km/h) do quadrante norte, soprando temporariamente moderado (20 a 30 km/h) nas terras altas e na faixa costeira ocidental. Formação de gelo ou geada nas regiões do interior Norte e Centro. Neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais.

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Dissolução da União Soviética aconteceu há 25 anos

    Mundo

    Assinalaram-se esta quinta-feira 25 anos desde o fim do acordo que sustentava a União Soviética. A crise começou em 80, mas aprofundou-se nos anos 90 com a ascensão de movimentos nacionalistas em praticamente todas as repúblicas soviéticas.