sicnot

Perfil

País

Colombo sofreu falha de energia durante cerca de uma hora

O Centro Comercial Colombo, em Lisboa, sofreu hoje um corte de energia, às 20:45, que afetou o funcionamento normal das lojas, disse à agência Lusa fonte do grupo Sonae Sierra, referindo que a situação foi resolvida às 21:33.

Segundo a responsável de comunicação da Sonae Sierra, Susana Lourenço, durante o apagão foi "assegurada a energia mínima, em termos de iluminação suficiente para as pessoas circularem no interior do Centro"

"As lojas é que não estavam a operar normalmente", indicou.

Susana Lourenço esclareceu que se tratou de "uma situação completamente alheia ao Centro", explicando que o corte de energia foi da responsabilidade da EDP.

A responsável disse ainda que o piquete da EDP chegou ao local às 21:15 e o problema foi resolvido às 21:33.

Em relação à origem do apagão, Susana Lourenço afirmou que deveu-se a "uma falha no fornecimento de energia elétrica na infraestrutura da EDP distribuição", no exterior do Centro Comercial Colombo.

A segurança no local esteve "perfeitamente assegurada", afirmou a responsável, frisando que o corte de energia "não põe se quer em perigo a integridade física de ninguém".

"Temos um plano de emergência que cobre essa situação", reforçou a assessora do grupo Sonae Sierra, explicando ainda que durante o apagão esteve "tudo a funcionar normalmente, exceto as lojas".

Lusa

  • Marcelo saúda "forma rápida" como Conselho de Ministros "tratou de tudo"
    1:03

    País

    O Presidente da República lembra que é preciso convergência de forma a adotar rapidamente as medidas mais urgentes do plano de emergência. No concelho de Tábua, Marcelo Rebelo de Sousa destacou ainda os esforços do Conselho de Ministros, mas lembrou que as medidas anunciadas são apenas o início de um processo e não o fim.