sicnot

Perfil

País

Prisão domiciliária para solicitadora suspeita de desviar dinheiro

Ficou em prisão domiciliária a agente de execuções suspeita de ter desviado mais de 2,5 milhões de euros referentes a processos de penhoras.

Aurora Boaventura esteve ontem a ser ouvida pelo Juiz do Tribunal de Instrução que lhe aplicou a medida de coação de permanência no domicílio.

A solicitadora está indiciada por crimes de peculato, falsidade informática e branqueamento de capitais.

É suspeita de ter desviado desviado milhões de euros desde 2014 dos oito mil processos em que era agente de execução.

As autoridades efetuaram quatro buscas a escritórios e residências, arrestaram imóveis e apreenderam saldos bancários.

  • Solicitadora suspeita de desvio de 2,5 milhões de euros ouvida por juiz
    1:58

    País

    A agente de execuções suspeita de ter desviado mais de 2,5 milhões de euros está a ser ouvida pelo juiz do Tribunal de Instrução e deverá continuar a ser interrogada amanhã para eventual aplicação de medidas de coação. Aurora Boaventura está indiciada por crimes de peculato, falsidade informática e branqueamento de capitais.

  • Seca agrava prejuízos agrícolas no Alentejo
    2:11
  • Al Gore e Garry Kasparov vão estar na Web Summit

    Web Summit

    Al Gore, antigo vice-Presidente dos Estados Unidos da América, Garry Kasparov, lendário jogador de xadrez, e Steve Huffman, o dirigente e cofundador da rede social Reddit são os novos nomes anunciados para a 2.ª Web Summit em Lisboa.

  • Estudantes universitários poderiam estar a pagar propinas mais baixas
    2:02

    País

    Os alunos universtários poderiam estar a pagar propinas mais baixas do que pagam atualmente. A situação foi denunciada pela Federação Académica do Porto, que diz que os estudantes estão a pagar cerca de 100 euros a mais do que deviam. O INE admite, num documento enviado ao Governo, que pode existir um método melhor para o cálculo destes valores.