sicnot

Perfil

País

Prisão domiciliária para solicitadora suspeita de desviar dinheiro

Ficou em prisão domiciliária a agente de execuções suspeita de ter desviado mais de 2,5 milhões de euros referentes a processos de penhoras.

Aurora Boaventura esteve ontem a ser ouvida pelo Juiz do Tribunal de Instrução que lhe aplicou a medida de coação de permanência no domicílio.

A solicitadora está indiciada por crimes de peculato, falsidade informática e branqueamento de capitais.

É suspeita de ter desviado desviado milhões de euros desde 2014 dos oito mil processos em que era agente de execução.

As autoridades efetuaram quatro buscas a escritórios e residências, arrestaram imóveis e apreenderam saldos bancários.

  • Solicitadora suspeita de desvio de 2,5 milhões de euros ouvida por juiz
    1:58

    País

    A agente de execuções suspeita de ter desviado mais de 2,5 milhões de euros está a ser ouvida pelo juiz do Tribunal de Instrução e deverá continuar a ser interrogada amanhã para eventual aplicação de medidas de coação. Aurora Boaventura está indiciada por crimes de peculato, falsidade informática e branqueamento de capitais.

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02