sicnot

Perfil

País

Prisão domiciliária para solicitadora suspeita de desviar dinheiro

Ficou em prisão domiciliária a agente de execuções suspeita de ter desviado mais de 2,5 milhões de euros referentes a processos de penhoras.

Aurora Boaventura esteve ontem a ser ouvida pelo Juiz do Tribunal de Instrução que lhe aplicou a medida de coação de permanência no domicílio.

A solicitadora está indiciada por crimes de peculato, falsidade informática e branqueamento de capitais.

É suspeita de ter desviado desviado milhões de euros desde 2014 dos oito mil processos em que era agente de execução.

As autoridades efetuaram quatro buscas a escritórios e residências, arrestaram imóveis e apreenderam saldos bancários.

  • Solicitadora suspeita de desvio de 2,5 milhões de euros ouvida por juiz
    1:58

    País

    A agente de execuções suspeita de ter desviado mais de 2,5 milhões de euros está a ser ouvida pelo juiz do Tribunal de Instrução e deverá continuar a ser interrogada amanhã para eventual aplicação de medidas de coação. Aurora Boaventura está indiciada por crimes de peculato, falsidade informática e branqueamento de capitais.

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00

    País

    O episódio de hoje de Vidas Suspensas envolve uma médica dentista norte-americana e um português. Um exemplo do que acontece a muitos portugueses que casam com estrangeiros: quando se divorciam, coloca-se a questão de saber para que país vão os filhos.

    Hoje na SIC

  • Encontrado corpo da criança que desapareceu na praia de São Torpes
    0:55

    País

    O corpo da criança que tinha desaparecido na praia São Torpes, concelho de Sines, foi encontrado esta manhã fora de água, nas rochas, a 1,5 quilómetros do sítio onde tinha desaparecido, no passado dia 21. O alerta foi dado por um popular à Polícia Marítima, cerca das 8h00.

  • Tubarão com 2,7 metros salta para dentro de barco e ataca pescador

    Mundo

    Um australiano foi atacado por um tubarão branco quando estava a pescar na sua embarcação, em Evan Heads, Nova Gales do Sul, na costa Este da Austrália. O animal, com cerca de 200 quilos e 2,7 metros de comprimento, saltou para dentro do barco, derrubou o pescador e mordeu-lhe no braço.

    SIC