sicnot

Perfil

País

Adiada a partida dos inspetores do SEF com destino à Grécia

Foi adiada a partida dos 34 inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras que têm como destino a Grécia.

De acordo com o SEF, estas mulheres terão aceitado casar com cidadãos estrangeiros a troco de dinheiro.

De acordo com o SEF, estas mulheres terão aceitado casar com cidadãos estrangeiros a troco de dinheiro.

SIC

Ainda não é conhecida a hora de embarque do grupo que se encontra em Figo Maduro, em Lisboa, mas mantém-se a intenção de descolarem ainda esta manhã da capital. O transporte está a cargo da Força Aérea Portuguesa.

Os portugueses vão integrar as equipas rápidas de intervenção da agência europeia Frontex e do Gabinete Europeu de Apoio ao Asilo. A participação portuguesa do SEF vai apoiar na readmissão e retorno de cidadãos estrangeiros em solo grego.

A deslocação insere-se no âmbito do acordo para os refugiados entre a União Europeia e a Turquia que prevê o retorno ao país dos migrantes ilegais que chegam às ilhas gregas.

No início do próximo mês regressam a Portugal sendo susbstituídos por outro grupo de inspectores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras.

  • Circulação retomada na A23, mais de 1.600 operacionais no combate às chamas

    País

    A circulação rodoviária na A23 foi completamente restabelecida ao início da manhã depois de ter estado cortada por causa dos incêndios que, no total, mobilizam mais de 1.600 operacionais e contam com reforço espanhol. Nos vários fogos que atingem o país estão 1.648 operacionais no terreno, apoiados por mais de 500 viaturas e 15 meios aéreos.

  • Marcelo lembra ditadura para deixar elogios à liberdade de imprensa e separação de poderes
    0:29
  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26

    País

    O candidato do PSD à Câmara Municipal de Loures, André Ventura, foi entrevistado esta terça-feira na Edição da Noite da SIC Notícias. Em análise, a polémica em torno das declarações do candidato sobre a comunidade cigana.

    Entrevista SIC Notícias

  • Rajoy nega conhecimento de financiamentos ilegais no PP

    Mundo

    O primeiro-ministro espanhol negou hoje ter conhecimento de um esquema ilegal de financiamento, que envolve vários responsáveis do Partido Popular (PP, direita), que lidera. Durante uma audição no tribunal, Mariano Rajoy garantiu ainda que não aceitou nenhum pagamento ilícito.