sicnot

Perfil

País

Adiada a partida dos inspetores do SEF com destino à Grécia

Foi adiada a partida dos 34 inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras que têm como destino a Grécia.

De acordo com o SEF, estas mulheres terão aceitado casar com cidadãos estrangeiros a troco de dinheiro.

De acordo com o SEF, estas mulheres terão aceitado casar com cidadãos estrangeiros a troco de dinheiro.

SIC

Ainda não é conhecida a hora de embarque do grupo que se encontra em Figo Maduro, em Lisboa, mas mantém-se a intenção de descolarem ainda esta manhã da capital. O transporte está a cargo da Força Aérea Portuguesa.

Os portugueses vão integrar as equipas rápidas de intervenção da agência europeia Frontex e do Gabinete Europeu de Apoio ao Asilo. A participação portuguesa do SEF vai apoiar na readmissão e retorno de cidadãos estrangeiros em solo grego.

A deslocação insere-se no âmbito do acordo para os refugiados entre a União Europeia e a Turquia que prevê o retorno ao país dos migrantes ilegais que chegam às ilhas gregas.

No início do próximo mês regressam a Portugal sendo susbstituídos por outro grupo de inspectores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras.

  • Jovem que morreu numa estância de esqui em Espanha sofreu um aneurisma
    1:26
  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.

  • Três letras de Zeca Afonso

    Cultura

    No dia em que se assinalam 30 anos da morte de Zeca Afonso, Raquel Marinho, jornalista da SIC e divulgadora de poesia portuguesa contemporânea, escolhe três letras do cantor e autor para dizer, em forma de homenagem.

    Raquel Marinho

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira