sicnot

Perfil

País

Autarquia de Lisboa lança campanha para ajudar crianças a saber reagir contra abusos

A Câmara Municipal de Lisboa arranca hoje com uma campanha para a prevenção dos maus tratos a crianças e jovens, ajudando os mais pequenos a denunciar, recusar e reagir, compreendendo o que não podem e não devem aceitar.

© Neil Hall / Reuters

A campanha decorre durante o mês de abril, em parceria com a Comissão Nacional de Proteção de Crianças e Jovens em Risco e a Associação de Mulheres Contra a Violência.

"O lema deste ano é [que] a melhor forma de tratar o problema é impedir que aconteça e a prevenção faz-se desde logo com as crianças até aos adultos", explicou à Lusa o vereador dos Assuntos Sociais da Câmara Municipal de Lisboa.

Segundo João Afonso, trata-se de conseguir percecionar devidamente o problema, com base no conhecimento e na informação, para depois poder intervir.

"Fazer com que as crianças possam denunciar, recusar, reagir para perceberem o que não podem e não devem aceitar", sublinhou o vereador.

O responsável apontou que é preciso dizer aos mais novos quais são os perigos, sublinhando que esses perigos nem sempre são óbvios.

"Quando é violência física, é mais óbvio e mais evidente. Quando é violência psicológica, já começamos a falhar algumas vezes o que é e o que não é. Quando é violência sexual às vezes há um certo preconceito em encarar e em aceitar que isso é possível sequer", frisou.

Nesse sentido, adiantou que esta campanha é, no fundo, um processo de capacitação não só para crianças, mas também para adultos, necessariamente através de meios e recursos diferentes.

"Para as crianças um jogo, as brincadeiras, desenhos, para os jovens a visualização dos filmes, para os adultos os debates sérios e confrontando as pessoas com a dimensão deste problema", explicou.

A campanha é apresentada hoje numa sessão pública e visa chegar a vários públicos, desde o mais institucional, passando pelas escolas -- primárias e secundárias -- até aos educadores, professores e às famílias da cidade de Lisboa.

O vereador adiantou que vai haver uma mesa redonda sobre o desafio da prevenção, além de filmes, dirigidos a um público mais juvenil, que vão ser apresentados durante o mês de abril, a seguir aos quais há debate sobre o tema, bem como um fórum sobre "a prevenção de violência de crianças e jovens com deficiências".

Este fórum será também levado a Coimbra (no dia 11 de abril), à Guarda (no dia 15 de abril) e a Beja (no dia 26 de abril).

Ainda neste campo, será também apresentado um jogo para a "prevenção primária de abuso sexual para crianças dos seis aos 10 anos", a 28 de abril, no Teatro Thalia.

Já as ações de sensibilização decorrem todos os dias úteis do mês junto dos agrupamentos escolares do concelho de Lisboa, com recurso à visualização de filmes e palestras.

Será ainda realizado um concurso interescolar, destinado a alunos desde o pré-escolar até ao 12.º ano e que poderá contemplar fotografia, desenhos, vídeos, poemas e reflexões ilustrativas do tema.

Lusa

  • SIC faz-se à estrada para ouvir eleitores
    2:13
  • Furacão Maria ameaça Ilhas Virgens e Porto Rico

    Mundo

    O furacão Maria "potencialmente catastrófico" está a ameaçar as Ilhas Virgens e o Porto Rico, depois de esta terça-feira ter semeado a destruição na Dominica e provocado um morto e dois desaparecidos na ilha francesa de Guadalupe.

  • Pistolas Nerf podem causar graves lesões nos olhos

    Mundo

    As balas das pistolas Nerf, quando atingem os olhos, podem causar graves lesões. O aviso é de um grupo de médicos de Londres, que recomenda a utilização de óculos protetores e o aumento da idade mínima para a utilização dos brinquedos.

    SIC

  • Investigadores descobrem como transformar gordura "má" em gordura "boa"

    Mundo

    Uma equipa de investigadores da Universidade de Washington, Estados Unidos, descobriu como converter a gordura corporal "má" em gordura "boa", permitindo queimar mais calorias e atrasar o aumento de peso, num estudo conduzido em ratos. Estes resultados abrem caminho para a possibilidade de desenvolver tratamentos mais eficazes para a obesidade e para a diabetes associada ao aumento de peso em pessoas, segundo os autores.

  • Escola na Croácia usa imagem de Melania Trump para chamar alunos

    Mundo

    "Imagine até onde pode ir com um pouco de inglês", foi com estas palavras que uma escola de inglês da Croácia decidiu promover as suas aulas, juntando ainda a fotografia de Melania Trump ao placard do anúncio. Agora, a primeira-dama norte-americana ameaça levar o Instituo Americki a tribunal. Entretanto, o placard já foi retirado do local.

    SIC