sicnot

Perfil

País

O tempo para hoje

O tempo para hoje

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê para hoje na costa ocidental ondas de noroeste com 2,5 a 3,5 metros e na costa sul ondas de sudoeste com 1 a 1,5 metros. Quanto ao estado do tempo para o continente, o instituto prevê para hoje céu muito nublado, diminuindo gradualmente de nebulosidade a partir da tarde, períodos de chuva, por vezes forte, passando gradualmente a regime de aguaceiros a partir do meio da manhã, queda de neve acima de 1100/1300 metros e possibilidade de ocorrência de trovoada.

A previsão aponta também para vento fraco a moderado de sudoeste, soprando moderado a forte no litoral oeste com rajadas até 65 quilómetros por hora e forte com rajadas até 75 quilómetros por hora nas terras altas, rodando gradualmente para noroeste a partir do meio da manhã.

Em Lisboa as temperaturas vão oscilar entre 13 e 15 graus Celsius, no Porto e em Viana do Castelo entre 10 e 14, em Vila Real entre 07 e 12, em Viseu entre 06 e 11, em Bragança entre 06 e 12, na Guarda entre 05 e 08, em Coimbra entre 11 e 14, em Castelo Branco entre 09 e 14, em Santarém entre 12 e 16, em Évora entre 09 e 14, em Beja entre 11 e 14 e em Faro entre 14 e 17.

Com Lusa

  • Os números das eleições francesas
    0:50

    Eleições França 2017

    Os resultados definitivos mostram que Emmanuel Macron obteve 24% dos votos, na primeira volta das eleições francesas. Ficou quase três pontos à frente de Marine Le Pen, que conseguiu 21,3%. Os números oficiais, publicados pelo Ministério do Interior, dão ainda conta da taxa de abstenção: 22,2%, um ligeiro aumento face à primeira volta das presidenciais de 2012.

  • Estarão os portugueses a consumir vitamina D em excesso? 
    6:44
  • Investigadores criam nanovacina contra diferentes cancros

    Mundo

    Investigadores da Universidade do Texas, nos Estados Unidos, desenvolveram uma nanovacina (vacina administrada através de partículas microscópicas) contra diferentes cancros, como o da pele, do cólon e do reto, numa experiência com ratos, revela um estudo publicado esta segunda-feira.