sicnot

Perfil

País

Portugal é o terceiro país com mais liberdade moral do mundo

Portugal é o terceiro entre 160 países com mais liberdade moral do mundo, num indicador liderado pela Holanda e elaborado pela Fundação para o Progresso da Liberdade.

"Em 160 países estudados, apenas um [a Holanda] teve mais de 90 pontos, sendo classificada como o país com maior liberdade moral", refere, em comunicado à imprensa, a fundação espanhola, criada em 2015.

O Indicador sobre a Liberdade Moral no Mundo pretende demonstrar a liberdade dos seres humanos com base nas restrições morais impostas pelo Estado.

Segundo o relatório, as políticas holandesas têm sido um "farol de liberdade moral e uma força motriz na evolução global em direção a uma menor intervenção do Estado sobre a moralidade".

"A Holanda foi o primeiro país a legalizar algumas drogas e serviços sexuais entre adultos com consentimento e também o primeiro país a legalizar o casamento homossexual", sublinha o documento.

No segundo lugar ficou o Uruguai (com 88,75 pontos), seguido de Portugal (com 83,80 pontos), que segundo o documento, "tiveram classificações surpreendentemente altas, revelando uma rápida evolução cultural dos valores tradicionais e conservadores para uma abordagem liberal das questões morais".

"A evolução de países como Portugal e o Uruguai é absolutamente marcante se tivermos em conta a sua recente história", sublinha o documento.

Para a fundação, Portugal, Uruguai e outros países latinos "parecem ter descartado o seu tradicional passado de influência religiosa nas políticas de governo e lideram muitos dos indicadores" sobre liberdade moral.

No indicador, a República Checa ocupa o quarto lugar, seguida da Bélgica, Espanha, Estados Unidos da América, Alemanha, Canadá e México.

Os países com pior liberdade moral são a Arábia Saudita, que ficou em último lugar, antecedida do Iémen, Iraque, Emirados Árabes Unidos, Qatar, Kuwait, Irão, Egito, Afeganistão, Paquistão e Brunei.

Para elaborar o documento foram tidos em conta indicadores religiosos (liberdade religiosa e controlo religioso do Estado), bioéticos (liberdade de tomada de decisões dos indivíduos naquelas questões), drogas (produção, comércio e consumo), sexuais (pornografia e serviços sexuais prestados com consentimento entre adultos) e igualdade do género e familiar (direitos das mulheres, homossexuais, casamento e direitos das famílias em união de facto).

Lusa

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.