sicnot

Perfil

País

Portugal entre os países com maiores apreensões de droga

Portugal surge no mapa das entradas de droga na Europa, sendo citado na lista de países de maiores apreensões, segundo o relatório de 2016 elaborado pelo Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência e o Serviço Europeu de Polícia.

Os contentores onde se encontrava dissimulada droga vinham do Panamá, e entraram na Europa pelo porto espanhol de Tarragona (Reuters / Arquivo)

Os contentores onde se encontrava dissimulada droga vinham do Panamá, e entraram na Europa pelo porto espanhol de Tarragona (Reuters / Arquivo)

© STR New / Reuters

No relatório sobre mercados de droga na União Europeia, divulgado hoje em Bruxelas, Portugal surge na lista de países que mais apreenderam resina de cannabis (2%), a par de Espanha (57%), Turquia (17%), França (13%) e Itália (7%), segundo dados de 2013.

A droga deverá ter sido usada em 2015 por 181 milhões de pessoas, entre os 15 e os 64 anos, tendo esse número sido de 22,1 milhões na UE, sendo a mais consumida no espaço comunitário.

No mercado de cannabis, Portugal surge entre a República Checa, Itália, Suécia, Inglaterra e Gales, como os locais onde os consumidores compram em casas particulares, "sugerindo um mercado de proximidade".

Outra referência a Portugal foi encontrada no capítulo sobre tráfico de heroína, que é coordenado sobretudo por organizações criminais turcas, paquistanesa e albanesas.

"A heroína é transportada a partir da área de produção por terra, mar e ar para o mercado de destino. Os principais portos de contentores de Roterdão e Antuérpia são um importante centro, enquanto os embarques do Paquistão para o Reino Unido e em Espanha (Barcelona) depois fluem para Portugal, França e Itália", lê-se.

Portugal, a par da Espanha, no Sul da Europa e os portos holandeses e belgas, no Norte, são os "mais importantes pontos de entrada para a cocaína da América do Sul chegar ao mercado europeu".

"Os países que mais apreenderam cocaína entre 2011 e 2014 foram Espanha e Bélgica, seguidos de França, Itália, Reino Unido e Portugal (não havendo dados para a Holanda)", lê-se.

No capítulo sobre a cocaína, Portugal foi um dos países onde foram identificados laboratórios de extração secundária, tal como Espanha, Holanda e Polónia.

O relatório explicou que a cocaína é traficada através da sua incorporação em materiais como o plástico, fertilizantes, papel ou roupa e que é recuperada através de um processo de extração secundária.

Com dados relativos a 14 países, a Europol listou os países com maior número de interceções de cocaína em correios aéreos em 2013: "Holanda e Espanha, seguidos de França e Portugal e depois Reino Unido, Itália, Alemanha e Bélgica

  • Governo sírio só aceitará cessar-fogo após retirada de rebeldes
    1:29

    Mundo

    O Presidente sírio Bashar Al- Assad diz que só aceitará um acordo de cessar-fogo em Alepo que inclua a retirada de todos os rebeldes da cidade. Na Alemanha, Merkel considerou que a situação na Síria é vergonhosa devido à incapacidade da comunidade internacional aliviar o conflito.

  • Quando se confunde o pedal do travão com o acelerador
    0:38

    Mundo

    Na China, chegam imagens de um acidente fora do normal. Um homem parou o carro e saiu para cumprimentar um amigo. Enquanto conversavam, a viatura começou a descair lentamente. O condutor correu de imediato para o carro. Com as mãos já no volante, tentou evitar o pior mas em vez de carregar no travão, carregou no acelerador.

  • Como (não) travar no gelo
    1:02

    Mundo

    Um vídeo gravado em Montreal, no Canadá, mostra como é quase impossível travar em estradas cobertas de gelo.