sicnot

Perfil

País

Fluviário de Mora anuncia renovação do habitat das lontras

O Fluviário de Mora, no Alentejo, anunciou hoje já ter a funcionar o seu renovado habitat das lontras, num investimento superior a 50 mil euros, apresentando agora o espaço "novas funcionalidades e decorações nos aquários".

© Enrique Castro-Mendivil / Reu

"O Fluviário foi redecorado, nos últimos meses, e fez um lifting na sua oferta, sobretudo no Lontrário, que se apresenta, agora, renovado e melhorado a bem das nove lontras que o habitam", revelou a entidade, em comunicado.

O Fluviário de Mora, no distrito de Évora, simula o percurso de um rio, desde a nascente até à foz, e alberga "mais de 500 exemplares de 55 espécies".

As obras, realizadas desde o final do ano passado, envolveram um investimento superior a 50 mil euros, segundo adiantou à agência Lusa fonte do Fluviário, e permitiram "melhorar ainda mais as condições" dos animais.

"Na conceção do projeto, foram considerados e respeitados os requisitos exigidos pelas espécies a albergar, que devem ser considerados na característica do habitat", referiu.

Assim, explicou, cada habitat tem "25 metros quadrados de fibra de vidro, que simula uma escarpa de um rio", e contempla ainda "um pequeno riacho, um espaço verde, uma zona de cascalho e troncos de grande porte", para que tudo se assemelhe "a uma margem de um rio".

"Foi também reduzido o plano de água para 50 mil litros, com a construção de um muro para que a mesma se mantenha com total qualidade", acrescentou o Fluviário.

Além disso, afirmou, o espaço "conta com o ensombramento de uma grande e estilizada árvore fotovoltaica, que garante a ausência de sol aos habitats ao longo do dia".

Vários dos aquários existentes no Fluviário foram igualmente melhorados, apresentando nova pintura e novas decorações, com o objetivo de "satisfazer os visitantes, no intuito de que voltem sempre".

"Ao fim de nove anos, por onde passaram mais de 730 mil visitantes, o Fluviário de Mora continua a inovar e a renovar-se como a maior e mais reconhecida instituição em Portugal e na Europa de divulgação do maravilhoso mundo dos rios e dos lagos", argumentou a instituição, propriedade da Câmara de Mora.

Lusa

  • UGT reivindica que salário mínimo ultrapasse os 600€
    0:26

    Economia

    O secretário-geral da UGT reivindica que até 2019 o salário mínimo nacional ultrapasse os 600 euros. Este sábado, num congresso distrital na Guarda, Carlos Silva considerou que o Governo tem condições para ir mais além e voltou a defender que para o próximo ano o patamar mínimo para a negociação deve ser os 585 euros.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04
  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.

  • Tony Carreira em Paris com sala cheia
    2:36

    Cultura

    O cantor Tony Carreira actuou ontem em Paris e teve sala cheia a aplaudir os temas que o tornaram conhecido há quase 30 anos. As recentes acusações de plágio não parecem afectar a popularidade do artista, que vai continuar em tournée. A Sic acompanhou o artista neste concerto.