sicnot

Perfil

País

Visita de Estado de Marcelo a Moçambique terá forte componente económica

A deslocação do Presidente da República Portuguesa a Moçambique, no início de maio, vai ser a sua primeira visita de Estado e terá uma forte componente económica, incluindo um encontro com 150 empresários portugueses e moçambicanos.

Segundo o programa provisório desta visita hoje divulgado aos jornalistas pela Presidência da República, Marcelo Rebelo de Sousa vai viajar para Moçambique na noite de 02 para 03 de maio e regressa a Lisboa na manhã de dia 07, em voos comerciais.

Nos cinco dias que estará em Moçambique, o chefe de Estado não deverá sair da capital, Maputo.

Para além dos encontros institucionais bilaterais, esta visita de Estado terá uma grande vertente económica, estando a ser preparado um encontro com empresários de Portugal e de Moçambique.

Os empresários portugueses que participarão nessa iniciativa viajarão pelos seus próprios meios.

A cooperação e desenvolvimento, a educação e a cultura serão também áreas prioritárias nesta primeira visita de Estado de Marcelo Rebelo de Sousa.

A visita do Presidente da República a Moçambique foi anunciada a 21 de março pela secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação de Portugal, Teresa Ribeiro, durante uma visita de trabalho a Moçambique.

Na mesma ocasião, Teresa Ribeiro adiantou que o primeiro-ministro português, António Costa, também vai visitar Moçambique no último trimestre deste ano, para participar na terceira cimeira bilateral.

Lusa

  • Congresso do PS começa hoje na Batalha

    País

    O 22.º Congresso do PS começa hoje, na Batalha, distrito de Leiria, e durante o qual o secretário-geral, António Costa, deverá defender uma linha de continuidade estratégica, procurando, em simultâneo, projetar desafios estruturais que se colocam ao país.

  • Gonçalo Guedes: o menino franzino que jogava mais que os outros em Benavente
    8:47
  • Juiz impede acesso a informações bancárias e e-mails de António Mexia
    1:50

    País

    No inquérito crime que investiga a EDP, continua um braço de ferro entre o Ministério Público e o juiz de instrução. O magistrado voltou a negar o acesso a informações bancárias e a e-mails de António Mexia, que constavam dos processos da Operação Marquês e do universo Espírito Santo.

  • Universidade de Coimbra não retira Honoris Causa a Lula
    3:30
  • Estudo acaba com teorias da conspiração sobre a morte de Hitler

    Mundo

    Existem algumas versões sobre o desaparecimento do ditador nazi, Adolf Hitler. Há quem diga que viajou para um país da América do Sul, outros acreditam que está escondido na Antártida e há até quem vá mais longe e acredita que estaria na Lua. Mas, teorias da conspiração à parte, a história oficial diz que Hitler suicidou-se num bunker, em Berlim, Alemanha.

    SIC