sicnot

Perfil

País

Fenprof dá nota positiva ao desempenho do ministro da Educação

O secretário-geral da Federação Nacional dos Professores (Fenprof), Mário Nogueira, fez hoje uma avaliação positiva do desempenho do ministro da Educação pela forma como tem defendido "princípios importantes da escola pública", na Assembleia da República.

(Arquivo)

(Arquivo)

ANDR\303\211 KOSTERS

"Eu diria, neste momento, que está sob observação, teve alguns bons desempenhos, tem algumas hesitações, mas vamos dar oportunidade a que ele diga exatamente ao que vem", disse o dirigente da Fenprof.

Mário Nogueira falava na apresentação do 12.º Congresso Nacional dos Professores, que se irá realizar no Auditório do Seminário de Vilar, no Porto, em 29 e 30 de abril, e contará com cerca de seiscentos delegados, 80% dos quais eleitos nas escolas de todo o país.

"Para já damos-lhe uma nota positiva, não definitivamente positiva, não necessariamente negativa, pelos seus desempenhos e pela forma como tem defendido princípios importantes da escola pública, na Assembleia da Republica, e como se tem batido contra aquela direita conservadora, de visão fechada para a educação", sublinhou.

Questionado sobre a nota que atribuiria ao titular da pasta da Educação, Mário Nogueira considerou ser inoportuno fazê-lo, uma vez que Tiago Brandão Rodrigues "ainda é muito novo no cargo".

"Como nós somos contra a avaliação sumativa nos primeiros anos de escolaridade, acho que ainda não lhe podemos atribuir uma nota. Temos de ser coerentes". Mas, "se praticar muito do que tem sido o seu discurso de valorização da escola pública e dos professores, com certeza que acabará o curso, neste caso o mandato, com uma distinta avaliação", disse.

Acrescentou que, se o ministro da Educação "não quiser, ou se não puder, ou se for muito hesitante, ou não concretizar o que vai defendendo, cá estaremos para dizer se reprova ou não mas, para já, temos de dizer que é um aluno promissor".

Sobre o Congresso, Mário Nogueira avançou que há duas questões "essenciais" aos professores que estarão em discussão, uma relacionada com "a gestão democrática das escolas" e outra com questões da carreira docente.

"Temos feito um combate muito grande à precariedade, existem mais de 53 mil professores em situação precária, temos feito uma denúncia muito forte da situação" e "temos uma campanha em curso sobre a necessidade de criar um regime excecional de aposentação dos professores, que tenha em conta o desgaste a que estão sujeitos, ao longo de mais de 40 anos da sua atividade", afirmou.

Segundo Mário Nogueira, do congresso deverá sair "uma grande petição a nível nacional, que conjugue este exercício de combate à precariedade, o descongelamento da progressão da carreira, a redução dos horários de trabalho e o acesso à aposentação".

O dirigente da Fenprof disse ainda que, na segunda-feira, irá realizar-se uma reunião negocial com o ministro da Educação, para discutir a mobilidade por doença dos professores e as normas de organização do próximo ano letivo.

No congresso estarão delegações estrangeiras, grande parte europeias, mas também de África, América Latina e do Norte, Ásia e Oceânia.

Estará presente o secretário-geral da Internacional de Educação (IE), organização que representa mais de 32 milhões de trabalhadores da educação, contando com 396 organizações filiadas de 171 países, entre as quais a Fenprof, que, atualmente, participa na sua direção mundial.

O programa inclui ainda a Conferência da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa/CPLP -- Sindical de Educação, e uma sessão com os representantes das confederações sindicais de educação do Brasil, sobre a situação vivida naquele país.

Lusa

  • Habitantes de Almeida barricaram-se durante seis horas em agência da CGD
    2:31

    País

    Perto de 100 pessoas estiveram esta quarta-feira barricadas na agência da Caixa Geral de Depósitos em Almeida, distrito da Guarda. O protesto contra o encerramento da agência só terminou quase seis horas depois, com a garantia que os autarcas serão recebidos na próxima terça-feira pela Administração do banco público. 

  • Carro que atropelou adepto encontrado na casa de um amigo do suspeito
    2:18

    Desporto

    O carro que terá atropelado o adepto italiano que morreu junto ao Estádio da Luz foi encontrado esta terça-feira, numa garagem na Amadora, na casa de um amigo do suspeito. Trata-se de um homem na casa dos 30 anos que pertence à claque No Name boys e é agora procurado pela Polícia Judiciária.

  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Web Summit inaugura primeiro escritório fora da Irlanda em Lisboa
    1:58

    Web Summit

    A Web Summit inaugurou em Lisboa o primeiro escritório fora da Irlanda, que vai dar emprego a 20 pessoas, algumas portuguesas. O próximo objectivo é alargar eventos a outros pontos do país. A conferência internacional regressa a Lisboa entre 6 e 9 de novembro e a organização espera ter 60 mil participantes.

  • Trump volta a apelar ao fim do programa nuclear de Pyongyang
    1:43

    Mundo

    Donald Trump voltou a apelar à Coreia do Norte para que abandone o programa nuclear e opte pela via do diálogo. O Presidente dos Estados Unidos chamou à Casa Branca, para uma reunião extraordinária, todos os senadores norte-americanos para serem informados sobre a atual crise com a Coreia do Norte.

  • Ivanka Trump vaiada por defender o pai durante debate sobre igualdade de género
    1:51

    Mundo

    Com o propósito de criar pontes com Donald Trump, a chanceler alemã Angela Merkel convidou a filha mais velha do Presidente norte-americano para participar numa cimeira. No entanto as coisas não correram muito bem e Ivanka Trump foi vaiada pela audiência por ter defendido o pai quando o assunto era a igualdade de género. 

  • Papa apelou à revolução da ternura
    0:52
  • Irmã da mulher mais pesada do mundo acusa hospital de mentir

    Mundo

    A irmã da mulher egípcia que se acreditava ser a mais pesada do mundo acusou os médicos de mentirem acerca da sua perda de peso. No entanto, o hospital que realizou a cirurgia bariátrica já respondeu às acusações, defendendo que a mulher pesa agora 172 quilos.

  • Diário de John F. Kennedy vendido por 660 mil euros

    Mundo

    Um diário escrito por John F. Kennedy quando jovem, durante uma curta passagem pelo jornalismo, depois da II Guerra Mundial, foi vendido por mais de 700 mil dólares (642 mil euros), informou esta quarta-feira uma casa de leilões.