sicnot

Perfil

País

Governo quer mais 20 mil pessoas com competências digitais até 2020

O Governo pretende "capacitar mais 20.000 pessoas" até 2020 em competências digitais, de acordo com o Programa Nacional de Reformas hoje aprovado em Conselho de Ministros.

O executivo de António Costa estima uma despesa de 55 mil euros com esta medida, dos quais 47 mil euros do Portugal 2020.

A medida insere-se dentro da iniciativa "Competências Digitais", que visa responder à carência de recursos humanos capacitados em tecnologias de informação.

O Programa Nacional de Reformas prevê ainda "aprofundar a lógica de Balcão Único de Emprego, integrando espaços físicos e virtuais", com o objetivo de qualificar os portugueses.

O objetivo é concentrar progressivamente, num único espaço, físico ou virtual, todas as interações dos cidadãos desempregados nos processos de procura ativa de emprego, bem como dos empregadores nos processos de seleção e contratação de novos trabalhadores.

De acordo com a calendarização, no primeiro semestre deste ano serão feitos mapas do percurso de utentes, visando a identificação dos aspetos críticos dos contactos e dos canais utilizados.

No segundo semestre, o objetivo é desenhar e operacionalizar as medidas.

Lusa

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.

  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.