sicnot

Perfil

País

Primeiro-ministro abre ao público residência oficial no 25 de Abril

O primeiro-ministro, António Costa, decidiu abrir ao público, na segunda-feira, pelo 42º aniversário da revolução de 25 de Abril, os jardins e algumas salas da sua residência oficial, em São Bento, retomando um ato interrompido em 2013.

MANUEL DE ALMEIDA

Antes, durante a manhã, como é habitual, o líder do executivo estará presente na Assembleia da República na sessão solene comemorativa da revolução de 25 de Abril de 1974.

Numa nota enviada à agência Lusa, refere-se que a residência oficial do primeiro-ministro, em São Bento, Lisboa, estará aberta ao público entre as 14:30 e as 19:00, período em que ali haverá também um programa cultural.

Numa das salas da residência oficial do primeiro-ministro será passado um documentário da Associação 25 de Abril alusivo à revolução e poderão também ser escutadas algumas das vozes da rádio do dia 25 de Abril de 1974.

Após a abertura de portas ao público, pelas 15:00, atuarão o ensemble de cordas da Orquestra Jovem Municipal Geração de Lisboa, seguindo-se os ensemble de sopros e percussão desta mesma orquestra.

Entre as 16:40 e as 18:00, haverá um momento musical interpretado pelo guitarrista Pedro Joia e a uma atuação da "Lisbon Poetry Orchestra".

Durante a tarde, nos jardins da residência oficial de São Bento, haverá arte urbana com os grupos "Lata 65" e "G.A.U".

A última vez que a residência oficial do primeiro-ministro esteve aberta ao público no feriado de 25 de Abril aconteceu em 2012, no primeiro ano do executivo PSD/CDS-PP liderado por Pedro Passos Coelho.

No ano passado, Pedro Passos Coelho assinalou o 25 de Abril com um almoço com atletas portugueses medalhados em jogos olímpicos.

Em 2014, o ex-primeiro-ministro teve uma iniciativa semelhante, tendo assinalado este feriado com um almoço com jovens representantes de associações estudantis e juvenis.

Em 2013, com Portugal em pleno programa de assistência económica e financeira, as portas da residência oficial do primeiro-ministro não estiveram abertas ao público.

Lusa

  • Oliveira Costa "era incompetente para todos os lugares em que eu o vi"
    3:12
    Quadratura do Círculo

    Quadratura do Círculo

    QUINTA-FEIRA 23:00

    O caso BPN esteve em destaque no programa Quadratura do Circulo desta quinta-feira. Pacheco Pereira relembrou que os maiores prejuízos são posteriores à nacionalização e responsabiliza José Sócrates. O Jorge Coelho disse que se fez justiça e que é uma prova que o Estado de direito português está a funcionar. Lobo Xavier garantiu também que Oliveira Costa era incompetente por natureza.

  • "O Brasil não parou e não vai parar"
    1:33

    Mundo

    O Presidente do Brasil diz ter condições para continuar à frente do Palácio do Planalto. Num vídeo publicado no Twitter, Michel Temer garante que o país não parou, nem vai parar, mas há uma nova gravação que pode comprometer o futuro do chefe de Estado.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Marcelo na peregrinação de Nossa Senhora de Fátima no Luxemburgo

    Mundo

    O Presidente da República participou esta quinta-feira, a título privado, na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, na cidade luxemburguesa de Wiltz. Milhares de portugueses receberam Marcelo Rebelo de Sousa, que assistiu à missa e, durante alguns minutos, participou na procissão.