sicnot

Perfil

País

ASAE fiscaliza 36 parques infantis e instaura 12 processos de contraordenação

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) instaurou 12 processos de contraordenação na sequência de uma fiscalização a 36 parques infantis de norte a sul do país, revelou hoje o organismo.

Em comunicado, a ASAE diz que entre janeiro e março deste ano fez várias ações de fiscalização a espaços de jogo e recreio, onde se inserem os parques infantis, com vista a verificar a conformidade dos equipamentos, das superfícies de impacto e do próprio espaço.

Foi também verificado se as respetivas instalações estavam corretamente concebidas e se a instalação, disposição e manutenção estavam em conformidade.

"Como resultado das ações, realizadas a nível nacional, foram fiscalizados 36 espaços de jogo e recreio, tendo sido instaurados 12 processos de contraordenação", adiantou a ASAE.

Segundo o organismo, as principais infrações tinham que ver com a "inexistência ou insuficiência das informações úteis, a não manutenção dos equipamentos e superfícies de impacto, irregularidades relativas ao livro de manutenção do espaço e a falta de manutenção regular dos equipamentos".

A ASAE adiantou também que durante o ano de 2015 fiscalizou 177 espaços de jogo e recreio, tendo instaurado 71 processos de contraordenação, que correm os seus trâmites legais.

O organismo explica ainda que estas ações se inserem no âmbito das suas atribuições de fiscalização dos espaços de jogo e recreio.

Lusa

  • Roger Moore, o ator que foi 007 e um Santo
    1:26

    Cultura

    Morreu Roger Moore. O ator britânico tinha 89 anos e morreu na Suíça, vítima de cancro. Ficou conhecido pelo mítico papel de James Bond entre os anos 70 e 80, tendo sido o ator que mais tempo se manteve no papel. Em 2003, foi condecorado pela rainha Isabel II e tornou-se Sir Roger Moore.

  • Ucrânia limita utilização do russo na televisão

    Mundo

    O Parlamento da Ucrânia aprovou esta terça-feira uma lei que determina que três quartos dos programas televisivos dos canais nacionais devem ser transmitidos em ucraniano, medida que visa limitar o uso da língua russa naquele país.