sicnot

Perfil

País

Farmácias impedidas de aviar receitas eletrónicas este sábado à tarde

As farmácias vão estar impedidas de aviar receitas eletrónicas entre sábado e domingo devido a uma atualização no sistema informático, pelo que os utentes devem comprar os medicamentos até sábado de manhã e os médicos prescrever guias de tratamento.

(Reuters/Arquivo)

(Reuters/Arquivo)

Reuters

Os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) vão fazer uma intervenção de atualização necessária nos seus centros de dados, o que vai deixar as farmácias sem poderem aceder ao sistema entre as 13:00 de sábado e as 04:00 de domingo.

Por isso mesmo, as farmácias não vão poder dispensar medicamentos prescritos em receita sem papel, porque não conseguem aceder ao sistema para as ler.

Segundo fonte da SPMS, esta intervenção é necessária e está planeada há muito tempo, razão por que se escolheu este dia -- em que já não há pico de entradas nos hospitais por causa da gripe -- e este horário.

Os utentes devem evitar ir à farmácia naquele período e procurar aviar as suas receitas eletrónicas até às 13:00 de sábado, ou então a partir de domingo, estando impedidos de o fazer apenas naquele curto período, disse a mesma fonte.

A SPMS adianta ainda que, durante a preparação de todo este processo, trabalhou em articulação com a Associação Nacional de Farmácias (ANF) e contactou todos os hospitais e conselhos de administração no sentido de recomendar aos médicos que passem guias de tratamento em vez de receitas eletrónicas.

Todas as receitas em papel e guias de tratamento poderão ser aviadas neste período, apenas as receitas desmaterializadas, que representam já 45% do mercado, vão ser afetadas.

Segundo dados da SPMS, ao dia de quarta-feira, 5.442 médicos emitiram receitas sem papel, 59.135 utentes receberam receitas desmaterializadas, foram feitas 69.157 prescrições, o que corresponde a 384.950 embalagens prescritas aviadas em 2.700 farmácias.

Lusa

  • 105 detidos pela PSP e GNR nas últimas 24 horas

    País

    Só a GNR deteve 64 pessoas em flagrante delito, entre a noite de sexta-feira e o início da manhã deste sábado, a maioria das quais (47) por condução sob o efeito do álcool. A PSP de Lisboa efetuou 41 detenções em 24 horas, dez por tráfico de droga.

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.