sicnot

Perfil

País

Ciclista morre atropelado por autocaravana no concelho de Ovar

Um ciclista de 54 anos morreu hoje após uma queda de bicicleta, seguida de atropelamento de uma autocaravana, quando se deslocava para o Furadouro, Ovar, disseram à Lusa fontes da PSP e dos bombeiros de Ovar.

O alerta foi dado pelas 09:30 de hoje, altura em que um grupo de amigos ciclistas se deslocava na Estrada Nacional 327 para a localidade de Furadouro, em Ovar, distrito de Aveiro, e um deles, residente em Espinho, caiu para a estrada e foi atropelado mortalmente por uma autocaravana, explicou fonte da PSP de Ovar.

A queda terá sido provocada após um desvio de um outro ciclista do grupo, que foi obrigado a deslocar-se para fugir a um "levantamento na estrada" e ao desviar-se terá batido com a roda da sua bicicleta noutra bicicleta, que terá provocado a queda e posterior atropelamento mortal, adiantou a mesma fonte.

Uma fonte do Hospital de Ovar confirmou à Lusa que uma equipa do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) do Hospital de Ovar ainda socorreu a vítima, mas o óbito foi declarado no local.

O cadáver foi transportado para o Instituto de Medicina Legal de Aveiro, adiantou outra fonte da PSP de Ovar.

Lusa

  • Chuva obriga ao cancelamento do desfile em Ovar
    0:53

    É Carnaval

    O dia de Carnaval está a ser afetado pelo mau tempo em algumas regiões do país. Em Ovar, a chuva forte obrigou a organização a cancelar o desfile que estava previsto para esta tarde. A repórter da SIC Catarina Folhadela dá conta da decisão da organização deste desfile no concelho de Aveiro.

  • Fuzileiros continuam no terreno a ajudar população
    3:03
  • Chef russo aconselha bife tártaro aos jogadores portugueses
    1:29
  • NotPetya: Lourenço Medeiros explica o novo ciberataque global
    2:44
  • Desacatos no aeroporto de Faro deixam turistas britânicos em terra
    1:46

    País

    Cinco pessoas, que integravam o grupo de turistas britânicos que nos últimos dias causou desacatos em Albufeira, foram ontem impedidas de regressar a Inglaterra. Agressões no aeroporto e desacatos à entrada do avião levaram os comandantes de dois voos a recusar levar aqueles passageiros.