sicnot

Perfil

País

BCP vai fechar mais de 90 agências até 2018

O BCP quer fechar mais de 90 agências até 2018, divulgou hoje a instituição liderada por Nuno Amado, sem adiantar qualquer objetivo para redução de trabalhadores.

(arquivo)

(arquivo)

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

"Será um processo normal, nem dogmático nem traumático", disse hoje Nuno Amado, referindo que esses encerramentos serão feitos sobretudo por "fusões de sucursais".

Questionado sobre objetivos de redução de trabalhadores, Nuno Amado disse que a "redução dos gastos recorrentes é uma luta de todos os dias", e que para já não há quaisquer planos de cortes de pessoal relacionados com essa redução de agência.

"Quando houver serei o primeiro a dizer, como sempre", sustentou.

Na conferência de imprensa de apresentação dos resultados do primeiro trimestre, em que o BCP baixou o lucro líquido em 33,7% para 46,7 milhões de euros, o banco apresentou os objetivos para 2018, entre os quais ter nesse ano menos de 570 sucursais em Portugal.

Esse valor significa o fecho de pelo menos 92 agências, uma vez que no final de março deste ano o banco tinha 662. Este valor já significa menos 9 sucursais do que as que a entidade tinha no final do ano passado.

Em termos de trabalhadores, o BCP fechou março com 7436 trabalhadores em Portugal, menos 23 do que no fim de 2015, quando tinha 7459 colaboradores.

Já se a comparação for com março de 2015, saíram do banco 240 pessoas em termos líquidos nos últimos 12 meses.

O banco quer ainda chegar a 2018 com uma redução do custo por cliente - que neste momento está em 170 euros por ano - para um valor inferior a 160 euros por ano por cliente do retalho.

Lusa

  • Família Aveiro na inauguração do Aeroporto Cristiano Ronaldo
    2:34

    País

    A decisão de dar o nome de Cristiano Ronaldo ao aeroporto da Madeira divide opiniões. Contudo, na cerimónia de inauguração desta quarta-feira só se ouviram aplausos. Os madeirenses juntaram-se à porta do aeroporto para ver e receber o melhor jogador do mundo. Também a família do jogador esteve na Madeira para apoiar Ronaldo.

  • A (polémica) mudança de nome do aeroporto da Madeira
    2:00

    País

    O aeroporto da Madeira é desde esta quarta-feira aeroporto Cristiano Ronaldo. O Presidente da República e o primeiro-ministro estiveram juntos na homenagem ao futebolista. A alteração não é consensual entre os madeirenses.

  • O busto de Ronaldo que virou piada no mundo inteiro
    2:04

    País

    No dia em que foi formalizado o novo nome do aeroporto da Madeira, foi também conhecido o busto em bronze de Cristiano Ronaldo e que, desde logo, começou a provocar reações em todo o mundo. As críticas da imprensa internacional não são propriamente positivas e a internet aproveitou para dar contornos humorísticos à criação.

  • A história de um dos maiores fãs de Cristiano Ronaldo
    5:52

    Desporto

    Um dos maiores fãs de Cristiano Ronaldo não perdeu a oportunidade de se deslocar à Madeira, para conhecer o ídolo e o local onde Cristiano nasceu e cresceu. Lucas Mendes é brasileiro, tem apenas 23 anos e criou a página de fãs de Ronaldo mais seguida no Brasil.

  • Os seus descontos para a Segurança Social estão em ordem?
    7:50
    Contas Poupança

    Contas Poupança

    4ª FEIRA JORNAL DA NOITE

    Os portugueses estão cada vez mais preocupados com a reforma. O valor que se vai receber depende dos descontos que se fizerem para a Segurança Social. Mas há contabilistas que cometem burlas com o dinheiro dos clientes, há esquecimentos, e empresas que deixam de pagar as contribuições por falta de verbas. O Contas Poupança explica-lhe como pode ver neste instante se todos os seus descontos estão nos cofres da Segurança Social, e corrigir algum erro antes que seja tarde demais.

  • "Não há razão para fingirmos que hoje é um dia feliz"
    1:55

    Brexit

    Depois de receber esta quarta-feira a notificação do Brexit, o presidente do Conselho Europeu antecipou negociações difíceis. Donald Tusk diz que agora é preciso minimizar os prejuízos para os cidadãos europeus e para as empresas.

  • "Não há recuo possível"
    2:30

    Brexit

    O processo de saída do Reino Unido da União Europeia começou esta quarta-feira, com a ativação do artigo 50.º do Tratado de Lisboa. A notificação de Theresa May foi feita por carta a Donald Tusk e a primeira-ministra disse que não recuo possível. O processo de negociações levará dois anos e a saída do Reino Unido da União Europeia ficará concluída em 2019.