sicnot

Perfil

País

Projeto recolhe beatas para alertar para risco de incêndios

Os promotores do projeto "10 milhões na berma da estrada" realizam no domingo uma caminhada, em Sesimbra, para alertar para o risco de provocar incêndios ao lançar pontas de cigarros pelas janelas dos veículos, recolhendo beatas durante o percurso.

"O projeto tem como objetivo, nos próximos dois a três anos, recolher 10 milhões de beatas [uma por cada cidadão português] nas bermas das estradas nas zonas de floresta e de mata", afirmou Orlando Martins, da organização, à Lusa.

A iniciativa, organizada por um grupo de 20 cidadãos independentes, "pretende despertar a consciência dos automobilistas, alertando para o aumento do risco de incêndio por ignição em zonas florestais atravessadas por rodovias", uma vez que "cerca de 30% dos incêndios florestais em Portugal começam na berma da estrada".

"A mensagem principal é, através de uma iniciativa a longo prazo e do volume de 10 milhões de beatas, ser capaz de transmitir aos portugueses que somos cidadãos cada vez mais civilizados", declarou Orlando Martins.

A organização pretende alargar a iniciativa a outros municípios, como o de Leiria e de Santarém, tendo em conta que entre "Lisboa, o Centro e o Norte, a zona do pinhal de Leiria e de Santarém é muitas vezes castigada por este problema".

Como forma de estender o projeto, a organização está em contacto com o Ministério da Educação para tentar incluir atividades no programa escolar.

A caminhada de domingo será de quatro quilómetros, tem um caráter informal e vai realizar-se entre as 09:00 e as 12:00, a partir da rotunda do Marco do Grilo, na estrada nacional 378.

Seguirá em direção a Sesimbra, no distrito de Setúbal, contando com o apoio, entre outros, da Câmara Municipal de Sesimbra.

Lusa

  • Passos nega que resultado das autárquicas ponham em causa liderança do PSD
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Marcelo garante que relações com Angola "estão vivas"
    1:50

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou esta segunda-feira as boas relações entre Portugal e Angola. À chegada a Luanda para a posse do novo Presidente angolano João Lourenço, o chefe de Estado português aproveitou para tomar um banho de mar.

  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.