sicnot

Perfil

País

Fim de semana com chuva, vento e descida da temperatura

O fim de semana vai ser marcado por chuva, com possibilidade de ocorrência de trovoadas e vento forte, disse à agência Lusa o meteorologista Bruno Café, salientando que as temperaturas máximas vão descer até 10 graus Celsius.

© Miguel Vidal / Reuters

"No fim de semana, vamos ter a aproximação de uma depressão muito cavada que irá dar origem a precipitação, que será forte entre a tarde de sábado e a manhã de domingo. Está previsto também vento forte", adiantou o especialista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com Bruno Café, hoje e sexta-feira está previsto céu muito nublado, com períodos de chuva ou aguaceiros que pontualmente poderão ser fortes e acompanhados por trovoadas.

"Em relação às temperaturas, está prevista uma descida da máxima hoje e sexta-feira, que combinada será superior a 10 graus, ou seja, passamos de temperaturas em que em alguns distritos tiveram valores superiores a 30 graus para sexta-feira [estarão] a rondar os 15 a 20 graus na generalidade do território", declarou.

No que diz respeito às temperaturas mínimas, Bruno Café salientou que estas vão sofrer uma pequena descida, "sem grande relevância".

"A tendência para o início da próxima semana é a de continuação de precipitação", concluiu.

Por causa da chuva por vezes forte, o IPMA colocou sob aviso amarelo os distritos de Évora, Faro, Setúbal e Beja entre as 06:00 e as 18:00 hoje.

O aviso amarelo, o terceiro mais grave numa escala de quatro, significa "risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica".

O instituto prevê nas regiões do norte e centro do continente céu geralmente muito nublado, períodos de chuva ou aguaceiros, progredindo gradualmente de sul para norte, e que poderão ser pontualmente fortes a partir do início da tarde, possibilidade de ocorrência de trovoada a partir da tarde, vento fraco, soprando por vezes moderado do quadrante sul nas terras altas da região centro e descida da temperatura máxima, sendo acentuada no litoral.

No sul prevê-se céu geralmente muito nublado, períodos de chuva ou aguaceiros, que serão pontualmente fortes, condições favoráveis à ocorrência de trovoada, vento fraco, soprando por vezes moderado do quadrante sul e descida da temperatura máxima, sendo acentuada no litoral oeste.

Na Madeira prevê-se períodos de céu muito nublado, aguaceiros nas vertentes norte e terras altas, sendo em geral fracos e pouco frequentes e vento moderado a forte de noroeste, soprando forte com rajadas até 70 quilómetros por hora nas terras altas até ao final da manhã.

Para os Açores o instituto prevê períodos de céu muito nublado com boas abertas, tornando-se encoberto a partir do final da tarde, aguaceiros fracos a partir da noite e vento bonançoso, tornando-se moderado.

Em Lisboa e no Porto as temperaturas vão oscilar entre 16 e 20 graus Celsius, em Vila Real entre 14 e 23, em Bragança entre 13 e 25, em Viseu entre 14 e 21, na Guarda entre 13 e 18, em Coimbra entre 16 e 22, em Castelo Branco entre 14 e 21, em Santarém entre 14 e 22, em Évora entre 14 e 21, em Beja entre 15 e 21, em Faro e no Funchal entre 16 e 21, em Ponta Delgada e Horta entre 14 e 20 e em Santa Cruz das Flores entre 14 e 18.

Lusa

  • Trump eleito personalidade do ano pela revista Time

    Mundo

    O Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, foi eleito personalidade do ano pla revista Time. O título é atribuído pela publicação norte-americana há quase 90 anos para distinguir a figura que marcou o ano.

  • Cerca de 100 mortos e dezenas de desaparecidos após sismo na Indonésia
    1:24
  • As camisolas de Natal da família real britânica

    Mundo

    O espírito natalício invadiu ontem o Museu Madame Tussauds, em Londres. Foram reveladas as novas figuras de cera da família real britânica - cada membro enverga uma camisola de espírito festivo, com cãezinhos "reais" e "gingerbreadmen" de gosto duvidoso.

  • Os dias na Terra estão a ficar mais longos

    Mundo

    Os dias estão a tornar-se mais longos, mas impercetivelmente, porque vão ser precisos 6,7 milhões de anos para aumentarem um minuto, segundo um estudo publicado quarta-feira pela Proceedings A da Royal Society britânica.

  • Com este vamos arrancar-lhe uma lagriminha!

    Mundo

    Nesta redação, não se vive só de notícias. Também gostamos de nos emocionar com o mundo virtual. Imbuídos pela quadra natalícia, decidimos partilhar este vídeo polaco consigo. O que é preciso para o emocionar? Um tema com uma mensagem simples e que nos faça lembrar que somos todos feitos de carne e osso. Um toque de humor. Um sentimento sazonal, mas nunca em excesso. Um cão [é preciso haver sempre um cão]. Um enredo e algum suspense que nos prenda ao écran. Algo que nos faça engolir em seco. Foi isto que fez um site de vendas online com um anúncio com o título: "Inglês para principiantes". Então? Atingimos o nosso objetivo? Com ou sem lágrima?

  • Leica: a marca lendária entre os fotógrafos
    5:54
    Futuro Hoje

    Futuro Hoje

    3ª FEIRA NO JORNAL DA NOITE

    A Leica, das famosas máquinas fotográficas, abriu na semana passada a primeira loja em Portugal. Grande parte da produção da marca alemã é feita em Lousado, em Vila Nova de Famalicão, há 43 anos.