sicnot

Perfil

País

Negócio das perucas está em declínio

Negócio das perucas está em declínio

O negócio das perucas está em declínio e, consegue sobreviver graças a procissões e a doentes oncológicos. Uma das últimas lojas de fabrico e venda fica no Porto. Israel Matos faz perucas em cabelo natural e sintético para teatro, santos de igrejas e procissões. O cabeleireiro Cardoso abriu as portas em 1906 e vende perucas por encomenda e catálogo. Duram cerca de um ano e os preços variam entre os 250 e os 600 euros.

  • "Fiz coisas de que me envergonho"
    2:31
  • Número de mortos de atentado em al-Bab sobe para 60

    Mundo

    O atentado bombista de hoje na cidade de al-Bab (Norte da Síria), capturada na quinta-feira ao Estado Islâmico, fez pelo menos 60 mortos, de acordo com um novo balanço noticiado pela agência de notícias estatal turca Andadolu.

  • Carnaval na Almirante Reis
    2:39

    País

    Lisboa também celebra o Carnaval e esta manhã mais de três mil crianças participaram num desfile pela Avenida Almirante Reis, alunas de escolas públicas e privadas de 24 nacionalidades. Na freguesia de Arroios vivem estrangeiros de 79 nacionalidades.