sicnot

Perfil

País

Proteção Civil alerta para possibilidade de inundações no fim de semana

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alertou hoje para a possibilidade de inundações em meios urbanos historicamente mais vulneráveis devido à chuva, por vezes forte, que deverá cair em todo o país durante o fim de semana.

SAMUEL MENDONÇA

O alerta da Proteção Civil surge após o contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), que prevê períodos de chuva ou aguaceiros, por vezes forte e acompanhados de trovada entre o início da tarde de sábado e o fim da madrugada de domingo em todo o país.

A ANPC adianta que a chuva pode acumular mais de 40 milímetros (mm) em seis horas e cerca de 50 mm em 12 horas, em especial a partir da tarde de sábado e início da madrugada nas regiões do centro e litoral norte e sul.

A ANPC chama ainda a atenção para o vento que vai soprar forte, podendo ocorrer fenómenos extremos em especial no litoral e nas regiões do interior centro e sul, e para a agitação marítima.

Em comunicado, a Proteção Civil alerta para a possibilidade de ocorrência de inundações em meios urbanos historicamente mais vulneráveis.

Face às previsões meteorológicas, alerta-se para o piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água, possibilidade de cheias rápidas em meio urbano e de inundações, além da possível queda de ramos de árvores devido ao vento.

A proteção civil avisa a população sobre as medidas preventivas, considerando que devem ser adotados os comportamentos adequados, sobretudo nas zonas historicamente mais vulneráveis.

Nesse sentido, recomenda a adoção de uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível formação de lençóis de água nas vias rodoviárias, e não atravessar as zonas inundadas.

A ANPC aconselha ainda a garantir uma adequada fixação de estruturas que possam estar soltas e ter especial cuidado na circulação e permanência junto de áreas arborizadas, prestando atenção para a possibilidade de queda de ramos ou árvores em virtude de vento mais forte, além de cuidados especiais ao circular junto à orla costeira, evitando a prática de atividades relacionadas com o mar.

Lusa

  • Fim de semana com chuva, trovoada e vento forte em todo o país
    0:53

    País

    Amanhã todos os distritos do continente e o arquipélago da Madeira vão estar sob aviso amarelo, devido à chuva e ao vento forte. Entre as 9:00 e as 21:00 de sábado, o país pode esperar chuva, trovoada e vento até aos 100 km/hora. No domingo a chuva vai estar mais moderada.

  • "Burlão do amor" acusado de tirar 450 mil euros a amante
    2:21

    País

    Um homem com cerca de 50 anos é acusado de tirar 450 mil euros a uma mulher com quem começou por ter uma relação profissional. Ele pedia, ela emprestava. Anos depois, ela ficou insolvente, com dívidas à banca de 214 mil euros e sem emprego. O homem é arguido, nega a relação amorosa entre ambos, mas admite ter recebido dinheiro dela. Garante, no entanto, que tenciona pagar o que deve.

  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • Duas pessoas alvejadas devido a disputa de linha de água em Cabeceiras de Basto
    1:23

    País

    Duas pessoas foram alvejadas por causa de uma disputa de uma linha de água, esta terça-feira, em Cabeceiras de Basto. O suspeito escondeu-se num barracão, mas acabou por ser detido pela GNR. As vítimas sofreram ferimentos ligeiros no braço e no peito. O tenente André Rodrigues, do Comando de Braga, revelou que os disparos foram feitos com uma caçadeira.

  • Governo quer entregar OE 2018 a 13 de outubro
    1:33
  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.

  • Três irmãos resgatados dos escombros em Itália
    1:24
  • Participante no incidente em Charlottesville teme pela vida
    1:43

    Mundo

    Um dos participantes nos incidentes em Charlottesville e membro de um grupo de extrema-direita supremacista teme vir a ser detido ou até morto, pelas declarações que fez durante uma reportagem da Vice News, que se tornou viral nas redes sociais.