sicnot

Perfil

País

Cortejo da Queima das Fitas deixou 35 toneladas de resíduos nas ruas de Coimbra

Os serviços de limpeza de Coimbra recolheram 35 toneladas de resíduos provocados pelo cortejo da Queima das Fitas, que decorreu na tarde de domingo, informou hoje o município.

PAULO NOVAIS

A operação envolveu 69 trabalhadores e 24 meios mecânicos, disse o vereador do Ambiente da Câmara de Coimbra, Carlos Cidade, que falava durante a sessão do executivo municipal.

Esta quantidade de resíduos representa mais do dobro do volume de lixo resultante da edição de 2015 do desfile dos estudantes de Coimbra.

Na altura, foram deixadas nas ruas e praças pelas quais passou o cortejo, entre a Alta e a Baixa da cidade, cerca de 16 toneladas de resíduos.

Para Carlos Cidade, o substancial aumento da produção de lixo entre os anos deve-se, em grande parte, ao facto de durante o cortejo de domingo "ter chovido muito, ficando muitos resíduos, designadamente de papel, ensopados em água".

É natural, no entanto, que "a chuva não explique tudo", admitiu o vereador, que não encontra outras razões para o aumento.

Os trabalhos de recolha de lixo e de limpeza das ruas, desenvolvidos imediatamente a seguir à passagem dos carros alegóricos dos estudantes, envolveram desta vez mais um trabalhador e mais um meio mecânico do que no ano passado.

A operação foi efetuada pelos serviços de limpeza da Câmara de Coimbra e de uma empresa com a qual a autarquia tem contrato de prestação de serviços.

Lusa

  • Juiz deixa suspeito de violação em liberdade
    2:42