sicnot

Perfil

País

Cortejo da Queima das Fitas deixou 35 toneladas de resíduos nas ruas de Coimbra

Os serviços de limpeza de Coimbra recolheram 35 toneladas de resíduos provocados pelo cortejo da Queima das Fitas, que decorreu na tarde de domingo, informou hoje o município.

PAULO NOVAIS

A operação envolveu 69 trabalhadores e 24 meios mecânicos, disse o vereador do Ambiente da Câmara de Coimbra, Carlos Cidade, que falava durante a sessão do executivo municipal.

Esta quantidade de resíduos representa mais do dobro do volume de lixo resultante da edição de 2015 do desfile dos estudantes de Coimbra.

Na altura, foram deixadas nas ruas e praças pelas quais passou o cortejo, entre a Alta e a Baixa da cidade, cerca de 16 toneladas de resíduos.

Para Carlos Cidade, o substancial aumento da produção de lixo entre os anos deve-se, em grande parte, ao facto de durante o cortejo de domingo "ter chovido muito, ficando muitos resíduos, designadamente de papel, ensopados em água".

É natural, no entanto, que "a chuva não explique tudo", admitiu o vereador, que não encontra outras razões para o aumento.

Os trabalhos de recolha de lixo e de limpeza das ruas, desenvolvidos imediatamente a seguir à passagem dos carros alegóricos dos estudantes, envolveram desta vez mais um trabalhador e mais um meio mecânico do que no ano passado.

A operação foi efetuada pelos serviços de limpeza da Câmara de Coimbra e de uma empresa com a qual a autarquia tem contrato de prestação de serviços.

Lusa

  • Primeiro-ministro hoje na cidade da Praia 

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, está hoje em Cabo Verde para a a IV cimeira bilateral entre Portugal e aquele país africano, aproveitando a passagem pela cidade da Praia para inaugurar a escola portuguesa.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.