sicnot

Perfil

País

Quase 18 mil veículos no Túnel do Marão nas primeiras 24 horas

Nas primeiras 24 horas após a abertura oficial ao trânsito, passaram pela Autoestrada do Marão -- Túnel do Marão 17.882 veículos, segundo dados da Infraestruturas de Portugal.

lusa

Depois de ter sido inaugurado no sábado pelo primeiro-ministro, António Costa, a Autoestrada do Marão, que incluiu um túnel rodoviário com quase seis quilómetros, abriu por volta das 00:00 de domingo.

Esta nova via liga Amarante a Vila Real e conclui a Autoestrada 4 (A4) do Porto até Bragança.

Segundo dados fornecidos à agência Lusa pela IP, entre as 00:00 de domingo e as 00:00 de hoje passaram pelo Túnel do Marão 17.882 veículos.

O preço da portagem cobrada nos cerca de 30 quilómetros da Autoestrada do Marão é de 1,95 euros (veículos classe 1), 3,40 euros (classe 2), 4,40 euros (classe 3) e 4,90 euros (classe 4).

No domingo, muitos dos automobilistas quiseram percorrer a infraestruturas atraídos pela curiosidade de conhecer o maior túnel rodoviário da Península Ibérica.

Houve até quem tenha esperado nos nós de acesso pela hora anunciada de abertura e, no domingo, assistiu-se a um cenário até agora pouco usual no Itinerário Principal 4 (IP4), de uma estrada praticamente vazia.

O Túnel do Marão que rasga a serra é alternativa ao IP4, uma estrada com traçado de montanha, com subidas e descidas acentuadas, e que foi palco para muitos e graves acidentes.

  • Polícia belga deteve homem que conduzia entre a multidão em Antuérpia

    Mundo

    Foi hoje detido um homem que conduzia a alta velocidade no meio da multidão numa zona comercial de Antuérpia, na Bélgica. O suspeito já foi identificado, é francês e tinha várias armas no carro. As autoridades francesas suspeitam que o homem estava bêbedo e a tentar escapar à polícia, mas as autoridades belgas ainda não confirmaram esta versão.

    Em desenvolvimento

  • Neve corta estradas em Viseu
    2:04
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • As vantagens de comprar online
    8:03