sicnot

Perfil

País

AR debate projetos de resolução para melhorar vida dos cuidadores informais

A Assembleia da República discute em plenário, na quinta-feira, cinco projetos de resolução, do CDS-PP, PCP, PS, PSD e BE, que propõem ao Governo medidas de apoio aos cuidadores informais e a criação do seu estatuto.

(Arquivo)

(Arquivo)

Lusa

Entre as medidas propostas estão o horário de trabalho flexível, deduções fiscais em sede de IRS, apoio psicossocial e possibilidade de baixa médica prolongada para assistência a pessoa sinalizada pela rede de cuidados continuados integrados ou pela rede de cuidados paliativos.

O CDS-PP defende, no projeto, que as famílias e os cuidadores informais "carecem cada vez mais de apoios estruturados" que possam promover a manutenção dos doentes crónicos no domicílio e também o combate à exaustão familiar.

Os cuidadores constituem "verdadeiros parceiros dos serviços de saúde", prestando "uma fatia de cuidados que pode ascender a 80% daquilo de que o doente carece", afirmam os deputados centristas, defendendo um "apoio mais estruturado" a estas pessoas, no hospital e na comunidade.

O PCP observa, por seu turno, que não existe, em Portugal, informação precisa sobre o número de cuidadores, nem estão definidos os apoios a ser disponibilizados, sendo por isso urgente medidas que criem condições para que possam desenvolver de "forma mais adequada e informada a prestação de cuidados".

Nesse sentido, o grupo parlamentar do PCP propõe um conjunto de medidas para os apoiar na área da saúde, da segurança social e do trabalho.

Já o PSD considera que "cumpre ao Estado reconhecer, finalmente", o "papel decisivo" dos cuidadores na ajuda ao bem-estar e à qualidade de vida dos seus familiares dependentes.

Defendem, por isso, "soluções inovadoras" que contemplem "possibilidades de adaptabilidade ou de redução dos tempos de trabalho" e dinamizem "o recurso ao teletrabalho, no respeito pelos direitos e deveres de entidades empregadoras e trabalhadores".

Os deputados do Partido Socialista defendem, por sua vez, o desenvolvimento de estratégias ao nível do bem-estar físico e mental dos cuidadores, através do "incremento do descanso do cuidador".

Um estudo do Observatório Português dos Sistemas de Saúde de 2015, citado pelo PS, estima que nos 3.869.188 agregados familiares existentes em Portugal, haverá 110.355 pessoas com défice de auto cuidado nos domicílios, sendo que, destas, 48.454 serão pessoas acamadas.

Para o PS, é preciso dar "especial relevo ao papel da família na sociedade", com melhoria das condições e bem-estar aos cuidadores informais, que garanta "maior poder de decisão e qualidade nos cuidados domiciliários para pessoas com défice de auto cuidado".

Por fim, o Bloco de Esquerda defende que deve ser garantido ao cuidador, por parte dos cuidados de saúde primários locais, um "apoio regular e permanente" para prestação de cuidados ao doente.

O Estado não está a conseguir garantir "as respostas que deveria dar às famílias e às pessoas que por dependência funcional, fragilidade, incapacidade grave ou doença severa necessitam de cuidados continuados",, empurrando essa responsabilidade para as famílias, sublinha.

"Não é por acaso que Portugal é, em simultâneo, o país onde existe uma das menores taxas de cobertura de cuidados formais e o país da Europa com maior taxa de cuidados domiciliários informais", acrescenta o BE.

Lusa

  • O descanso dos cuidadores de doentes mentais
    8:43

    Edição da Manhã

    Numa altura em que todos gozam férias, não haverá quem necessite mais de um tempo de descanso do que os familiares ou os cuidadores de doentes mentais.O Centro Psicogeriátrico Nossa Senhora de Fátima, na Parede, desenvolve um programa de Curto Internamento por um período de 30 dias, que visa aliviar o peso e consequente desgaste emocional e físico dos cuidadores de doentes mentais. O Dr. Pedro Varandas, médico psiquiatra e diretor clínico da Casa de Saúde da Idanha, esteve na Edição da Manhã.

  • Relatório pedido pelo Governo PSD-CDS já apontava falhas no SIRESP
    2:26
  • FC Porto acusa Benfica de recorrer a serviços de "bruxaria"
    2:34

    Desporto

    Francisco J. Marques acusou o Benfica de recorrer a "bruxaria". O diretor de comunicação do FC Porto revelou uma troca de e-mails entre Luís Filipe Vieira e Armando Nhaga, suposto comissário nacional da polícia da Guiné-Bissau com a celebração de um contrato de prestação de serviços.

  • Francisco J. Marques promete continuar a revelar e-mails
    2:11

    Desporto

    Francisco J. Marques diz que a Polícia Judiciária sabe como o Futebol Clube do Porto teve acesso aos e-mails e desafia o Benfica a revelar os originais. O diretor de comunicação do clube portista revelou ainda que irá continuar a divulgar e-mails, já que isso não é incompatível com o segredo de Justiça.

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.

  • Temer pode cair menos de um ano depois da queda de Dilma
    3:06
  • Imagens do resgate de crianças feridas num bombardeamento na Síria
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos acusam o regime sírio de estar a preparar um novo ataque químico e avisam Bashar al-Assad que vai pagar caro se o concretizar. No terreno, os ataques aéreos continuam a fazer vítimas civis. Da periferia de Damasco chegam imagens dramáticas do resgate de duas crianças feridas num bombardeamento.

  • Quem é a mulher que diz ser filha de Salvador Dalí

    Cultura

    Maria Pilar Abel Martínez nasceu em 1956 e será o alegado fruto de um caso entre a sua mãe e Salvador Dalí. Um tribunal de Madrid ordenou a exumação do cadáver do pintor e a obtenção de amostras, de modo a determinar se a mulher espanhola é mesmo filha de Dalí.

  • Mulher atira moedas para o motor do avião por superstição

    Mundo

    As superstições levam as pessoas a fazer coisas bizarras e até, mesmo, perigosas. Este foi o caso de uma mulher chinesa que decidiu atirar moedas para o motor de um avião, para garantir boa sorte na viagem, que estava prestes a fazer. Contudo, a ação obrigou ao atraso do voo que partia de Xangai, numa companhia aérea chinesa.

  • Modelo italiana atacada com ácido volta ao trabalho

    Mundo

    Gessica Notaro, antiga concorrente do concurso Miss Itália, já regressou ao trabalho como treinadora de leões marinhos, cinco meses depois de ter sido atacada com ácido, alegadamento pelo ex-namorado, Jorge Edson Tavares. Gessica Notaro diz que quer inspirar e encorajar outras mulheres a lutar contra o assédio e o bullying nas relações.