sicnot

Perfil

País

Caudais lançados no Tejo começaram a baixar, mas mantém-se o alerta para eventual cheia

Os níveis dos volumes lançados hoje pelas barragens no Tejo começaram a baixar nas últimas horas, o que levará a uma "ligeira diminuição dos caudais" do rio, mantendo-se contudo o alerta para eventualidade de cheia.

PAULO CUNHA

Em comunicado emitido hoje de manhã, o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém afirma que o maior caudal lançado pelo conjunto das barragens com influência no rio Tejo foi de 1.830 metros cúbicos por segundo às 23:00 de segunda-feira, valores que "têm vindo a baixar nas últimas horas, o que levará a uma ligeira diminuição" dos níveis da água do rio.

Contudo, "a imprevisibilidade da informação proveniente de Espanha", relativamente aos caudais lançados pelas barragens espanholas, "não permite realizar uma previsão alargada, pelo que se manterá o alerta para eventualidade de cheias", adianta.

Assim, mantêm-se as recomendações às populações para que retirem das zonas normalmente inundáveis equipamentos agrícolas, industriais, viaturas e outros bens e que levem os animais para locais seguros, retirando os rebanhos que se encontram nas zonas de risco.

A Proteção Civil recomenda ainda que não sejam atravessadas estradas ou zonas alagadas com viaturas ou a pé.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.