sicnot

Perfil

País

"Guerra política" provocada pelo corte no financiamento de escolas privadas

"Guerra política" provocada pelo corte no financiamento de escolas privadas

Passos Coelho acusou o ministro da Educação de estar a tomar decisões sobre os contratos de associação influenciado pelos partidos de esquerda que sustentam o Governo. O líder do PSD falou de interesses que estão na base desta decisão. Mário Nogueira, o secretário-geral da Fenprof diz que se sente insultado e admite avançar com uma queixa para os tribunais contra Passos Coelho. A Federação Nacional de professores defende que, por detrás da polémica, há interesses financeiros.

  • Fenprof diz que polémica dos contratos de associação envolvem interesses financeiros
    1:42

    País

    Mário Nogueira, o secretário-geral da Fenprof partiu para o ataque. Na resposta a Passos Coelho, diz que está a ser alvo de insultos e admite avançar com uma queixa para os tribunais. A Federação Nacional de professores defende que, por detrás da polémica, há interesses financeiros. Fenprof lançou uma petição para rejeitar o duplo financiamento da Educação e defende a criação do Dia da Escola Pública.

  • Governo pede explicações a Passos sobre as acusações ao ministro da Educação
    2:59

    País

    O Governo volta a exigir ao líder do PSD que dê explicações sobre o que quis dizer sobre os interesses do ministro da Educação. Este sábado Pedro Passos Coelho insinuou que Tiago Brandão Rodrigues se move por interesses, na revisão dos contratos entre o Estado e os colégios privados. Fonte da direção do PSD disse à SIC que quem define a política de Educação é Mário Nogueira, da FENPROF.

  • Passos insinua que ministro da Educação se move por interesses
    2:29

    País

    O Governo veio exigir que Pedro Passos Coelho concretize as acusações contra o Ministro da Educação. Ontem, o lider do PSD insinuou que Brandão Rodrigues se move por interesses, na revisão dos contratos entre o Estado e os colégios privados. A polémica vai continuar nos próximos dias. Um movimento de colégios privados vai entregar quase 100 mil cartas ao Primeiro-Ministro e ao Presidente da República.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10