sicnot

Perfil

País

Chuva vai continuar até ao fim de semana

A chuva vai continuar a afetar o território do continente até domingo, altura em que se prevê uma subida da temperatura máxima entre 7 a 10 graus Celsius em algumas regiões, adiantou a meteorologista Ângela Lourenço.

© Rafael Marchante / Reuters

Em declarações à agência Lusa, a especialista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) disse que o território do continente vai continuar com ocorrência de precipitação, sendo que hoje ainda pode ser forte, em especial nas regiões centro e sul e em especial até ao final da tarde.

"As trovoadas também vão aparecer hoje, aliás, já estão a ocorrer em algumas regiões do sul e sobre o mar perto da região de Lisboa. Esta situação de instabilidade vai continuar ao longo do dia", disse.

De acordo com Ângela Lourenço, espera-se que, a partir da tarde, exista uma diminuição da intensidade e da frequência da precipitação.

"Hoje parece ser o dia em que a neve é mais provável nos pontos mais altos da Serra da estrela", adiantou.

No que diz respeito a sexta-feira, a meteorologista do IPMA destacou que está prevista a continuação de ocorrência de chuva ou aguaceiros, mas mais fracos.

"Amanhã [sexta-feira] espera-se que os aguaceiros sejam fracos a moderados, vamos ter também vento a soprar de noroeste um pouco mais tenso nas terras altas e pequena subida da temperatura máxima no sul e região centro", salientou.

Quanto ao fim de semana, a especialista realçou que vai ser "melhor, mas ainda com precipitação".

"O fim de semana vai ser de melhoria gradual ainda com algumas nuvens e a precipitação, apesar de ser cada vez mais fraca, ainda pode surgir, mais no sábado do que no domingo. Relativamente às temperaturas até sábado, vão subir ligeiramente", disse.

Segundo Ângela Lourenço, as temperaturas máximas "vão subir mais significativamente no domingo", entre 07 a 10 graus Celsius em algumas regiões do país.

"A subida mais significativa será no domingo. Estamos a prever neste dia na região sul e Alentejo temperaturas máximas da ordem dos 24/25 graus", disse a especialista, acrescentando que as mínimas vão manter-se entre 12 e 14 graus no sul e litoral e entre os 07 e os 09 nas regiões do interior norte e centro.

Quanto ao início da próxima semana, a previsão do IPMA aponta para tempo seco, sem precipitação.

"Para segunda e terça-feira tudo aponta para que seja tempo seco sem precipitação, mas em meados da próxima semana há uma tendência para que a precipitação regressar, mas com um grau de incerteza ainda muito elevado", disse.

Ângela Lourenço sublinhou ainda que a tendência de subida da temperatura máxima vai manter-se no início da próxima semana, prevendo-se dias "quentes, mais parecidos com a primavera e verão".

Lusa

  • O tempo para hoje
    0:26

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje no continente períodos de céu muito nublado, chuva ou aguaceiros, que poderão ser por vezes fortes nas regiões centro e sul até ao final da tarde, e que serão de neve nos pontos mais altos da Serra da Estrela até ao final da manhã, e condições favoráveis à ocorrência de trovoada e queda de granizo.

  • Hoje joga Portugal (mas antes há um Uruguai-Rússia em direto na SIC)

    Mundial 2018 / O Mundial

    Começa a última jornada da fase de grupos do Mundial, com quatro jogos por dia. Às 15:00, numa partida transmitida em direto na SIC, a anfitriã Rússia e o Uruguai resolvem qual poderá ser o adversário de Portugal nos oitavos de final. Isto, dependendo claro da prestação da seleção nacional frente ao Irão, ao fim da tarde, uma vez que a qualificação não está garantida (e pode até depender do resultado do Espanha-Marrocos).

  • Erdogan vence eleições na Turquia que marcam a passagem para um regime presidencialista

    Mundo

    O Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, obteve nas eleições de domingo mais que os 50% de votos necessários para ser eleito à primeira volta para um novo mandato presidencial com poderes reforçados, anunciaram hoje as autoridades eleitorais. Estas eleições são particularmente importantes porque representam a passagem do sistema parlamentar até agora em vigor para um regime presidencialista, que permitirá a Erdogan aumentar consideravelmente as suas prerrogativas.

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02