sicnot

Perfil

País

Jerónimo acusa PSD e CDS de chorarem "lágrimas de crocodilo" sobre contratos de associação

Jerónimo acusa PSD e CDS de chorarem "lágrimas de crocodilo" sobre contratos de associação

O Secretário-Geral do PCP,Jerónimo de Sousa, fez esta quinta-feira criticas ao anterior Governo. O líder comunista diz que os partidos agora na oposição choram "lágrimas de crocodilo sobre os contratos de associação do Estado com as escolas privadas.

  • PM diz que Passos encara sindicatos como organizações criminosas
    2:26

    País

    António Costa respondeu pela primeira vez às acusações de Passos Coelho sobre os contratos de associação. Após a entrevista com José Gomes Ferreira, o primeiro-ministro disse que o líder da oposição encara os sindicatos como organizações criminosas e que isso não é próprio de um regime democrático.

  • António Costa garante que o governo vai cumprir todos os contratos de associação em vigor com colégios privados
    4:17

    País

    Sobre a polémica dos contratos de associação entre o Estado e os colégios privados e as dúvidas levantadas pelo Presidente da República sobre a matéria, o primeiro-ministro garante que os contratos existentes vão ser executados até ao final. António Costa disse ainda que estas instituições representam apenas 3% dos colégios privados e que será afeita uma avaliação caso a caso. Segundo o primeiro-ministro, no próximo ano vão mesmo existir mais turmas apoiadas por estes contratos.

  • "Guerra política" provocada pelo corte no financiamento de escolas privadas
    3:46

    País

    Passos Coelho acusou o ministro da Educação de estar a tomar decisões sobre os contratos de associação influenciado pelos partidos de esquerda que sustentam o Governo. O líder do PSD falou de interesses que estão na base desta decisão. Mário Nogueira, o secretário-geral da Fenprof diz que se sente insultado e admite avançar com uma queixa para os tribunais contra Passos Coelho. A Federação Nacional de professores defende que, por detrás da polémica, há interesses financeiros.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.