sicnot

Perfil

País

Homem que entrou armado no aeroporto de Lisboa condenado a 4 anos e meio de prisão

Gima Calunga, o holandês de origem angolana que entrou armado no aeroporto de Lisboa, em julho de 2014, foi hoje condenado a 4 anos e 6 meses de prisão efetiva. Foi ilibado do crime de terrorismo.

Arquivo SIC

Calunga foi considerado culpado por atentado à segurança de transporte por ar e detenção de arma priobida.

O homem acabou por ser absolvido do crime de adesão e apoio a grupos extremistas.

Em julho de 2014, Gima Calunga entrou com uma faca numa área reservada do aeroporto de Lisboa.

O julgamento sofreu vários adiamentos, o último dos quais se deveu ao facto de o seu advogado de defesa ter solicitado ao tribunal a lista dos 22.000 membros de origem europeia do Daesh divulgada pela televisão Sky News, em março. Para o advogado, era "pertinente" saber se o nome do seu constituinte constava da Lista.

Ao longo do julgamento, o coletivo indeferiu um pedido de Bruno Gomes para que o arguido fosse submetido a novos testes de avaliação psicológica e psiquiátrica.

Com Lusa

  • Benefícios fiscais trouxeram a Portugal 10 mil estrangeiros em 2015

    Economia

    Os benefícios fiscais em Portugal atraíram mais de 10 mil estrangeiros no ano passado. A maioria vem com o estatuto de residente não habitual, que dá isenção total de IRS aos reformados por dez anos e 20% de isenção no imposto para profissionais que estiverem ligados a atividades de valor acrescentado como Psicologia, Investigação ou Medicina.

  • Trump e os jornalistas: uma relação (su)rreal
    2:08
  • Novo campo de refugiados construído em Mossul

    Mundo

    Um novo campo de refugiados foi construído em Mossul, no Iraque. Com cerca de 4 mil tendas, foi construído durante 45 dias para albergar os deslocados que se prevê que aumentem com a atual ofensiva militar na zona ocidental da cidade.