sicnot

Perfil

País

Detidos no caso do rapto de empresário à espera do interrogatório

Detidos no caso do rapto de empresário à espera do interrogatório

Os sete detidos na investigação ao desaparecimento de um empresário de Braga são presentes esta tarde no Tribunal de Guimarães para aplicação das medidas de coação. Os homens são advogados e empresários do Porto e Braga e estão indiciados por sequestro agravado e homicídio qualificado.

  • Sete detidos no caso de rapto de empresário em Braga

    País

    Sete pessoas foram detidas hoje na zona do Porto e de Braga por suspeitas do envolvimento no sequestro de um empresário de Braga, raptado a 11 de março à frente da filha de 8 anos. A Procuradoria-Geral da República confirmou as detenções e várias buscas na região norte, em especial no Minho, numa operação que está a a ser coordenada pela Judiciária do Porto.

  • Descobertos fósseis que podem provar existência de vida em Marte

    Mundo

    Fósseis com 3,77 mil milhões de anos, dos mais antigos já descobertos, foram identificados por cientistas de vários países na província do Quebec, no leste do Canadá. As descobertas coincidem no tempo com a altura em que Marte e a Terra tinham água líquida à superfície, o que levanta questões sobre a hipótese de vida extraterrestre.

  • As polémicas declarações de João Braga sobre os Óscares

    País

    A Associação SOS Racismo reagiu esta quarta-feira às palavras do fadista João Braga na sua página no Facebook, sobre a cerimónia de entrega dos Óscares, e disse esperar que a Comissão para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial atue de forma exemplar face.

  • "Apelamos ao debate e somos criticados? Então m...."
    0:52
  • Oprah admite candidatar-se à Presidência dos EUA

    Mundo

    A apresentadora norte-americana Oprah Winfrey admitiu, numa entrevista, que a vitória de Donald Trump nas eleições presidenciais de novembro a fez considerar a possibilidade de entrar na corrida à Casa Branca.

  • Temperaturas recorde no "último lugar da Terra"

    Mundo

    A Organização Meteorológica Mundial (OMM) anunciou esta quarta-feira que se registaram nos últimos 37 anos temperaturas altas recorde na Antártida, num local que foi descrito como "o último lugar da Terra".