sicnot

Perfil

País

MP pede julgamento coletivo para mãe do menino desaparecido na Calheta em 2014

O Ministério Público pediu o julgamento em tribunal coletivo da mãe do menino de 17 meses desaparecido na Calheta, Madeira, em janeiro de 2014, informou hoje o MP.

Lídia Freitas, mãe de Daniel (Lusa)

Lídia Freitas, mãe de Daniel (Lusa)

HOMEM DE GOUVEIA

Segundo a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL), a mãe do menino de 17 meses desaparecido na Calheta a 19 de janeiro de 2014 está acusada dos crimes de rapto e de tráfico de pessoas.

"A acusação foi deduzida contra a mãe do menor, por se terem recolhido indícios, considerados suficientes, de que foi esta a responsável pelo desaparecimento da criança, com vista a vendê-la a terceiros para que estes a pudessem adotar por via ilícita", acrescenta a PGDL.

Daniel, um menino de 17 meses, desapareceu a 19 de janeiro de 2014 de casa de familiares residentes no Estreiro da Calheta, no sítio do Lombo dos Reis Acima.

O alerta do desaparecimento da criança, que viria a ser encontrada três dias depois numa zona de floresta perto do local onde desaparecera com sinais de frio, foi dado pelos pais da criança.

A mãe de Daniel foi detida pela Polícia Judiciária para ser interrogada dois dias depois do desaparecimento da criança por suspeita de envolvimento no desaparecimento do filho.

Lusa

  • Mãe de Daniel ouvida no Tribunal Criminal do Funchal
    1:23

    País

    É ouvida, na tarde desta segunda-feira, no Tribunal Criminal do Funchal, a mãe de Daniel, o menino que esteve desaparecido durante três dias, no início do ano, na zona da Calheta, na Madeira. É suspeita de querer vender o filho. Durante a manhã, a mulher esteve no tribunal da Ponta do Sol a ser ouvida pelo procurador do Ministério Público, como explica o jornalista da SIC, Luis Garriapa.

  • Tribunal vai ouvir mãe de Daniel
    3:31

    País

    O Tribunal da Ponta do Sol, na Madeira, vai ouvir a mãe de Daniel, a criança que esteve desaparecida 3 dias na zona da Calheta, no inicio do ano. A detenção da mulher surpreendeu a comunidade madeirense. O pai da criança contou à judiciária que também já suspeitava da companheira.

  • Três irmãos resgatados dos escombros em Itália
    1:24
  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • Graça Fonseca, a primeira governante a assumir-se homossexual
    1:02

    País

    A secretária de Estado da Modernização Administrativa deu uma entrevista ao Diário de Notícias onde assume a sua homossexualidade. É a primeira vez que um governante português o faz. Graça Fonseca assume esta posição pública como uma "afirmação política".

  • Governo quer entregar OE 2018 a 13 de outubro
    1:33
  • Casa Branca isolada devido a pacote suspeito

    Mundo

    A Casa Branca foi esta terça-feira isolada devido à presença de um pacote suspeito junto a uma das vedações que limitam o edifício governamental norte-americano. A situação já foi normalizada e o objeto retirado do local.