sicnot

Perfil

País

Primeiro-ministro vaiado em Coimbra

Primeiro-ministro vaiado em Coimbra

António Costa foi uma vez mais recebido com protestos de pais, alunos e professores contra os cortes no financiamento a colégios privados. Esperaram pelo primeiro-ministro em Coimbra à porta da universidade onde António Costa assistiu ao doutoramento Honoris Causa de António Guterres, e onde o Presidente da República também esteve presente. Um dos elementos da organização acabou por ser recebido pelo primeiro-ministro, que deixou uma porta aberta para o consenso.

  • PM recebido em Coimbra por manifestação contra corte no financiamento dos colégios
    2:45

    País

    António Costa foi recebido esta manhã, em Coimbra, por uma manifestação contra os cortes nos colégios. Já ontem, o primeiro-ministro (PM) discursou durante cerca de dez minutos debaixo de um barulho ensurdecedor de centenas de manifestantes, concentrados junto ao Museu Municipal Abade Pedrosa, em Santo Tirso, que inaugurou. Também em Águeda, António Costa deparou-se com manifestantes que contestavam o corte no financiamento das escolas com contratos de associação.

  • Costa discursa sob vaias de manifestantes contra cortes nos contratos de associação
    2:11

    País

    Durante o discurso do primeiro-ministro hoje em Santo Tirso, António Costa foi vaiado por centenas de pessoas que se manifestaram contra o fim dos contratos de associação com as escolas e colégios do ensino privado. António Costa diz que o ensino público é a prioridade do Governo. Já se sabe que 39 dos 79 colégios com contratos não vão poder abrir novas turmas. O primeiro-ministro desvalorizou as providências cautelares contra os cortes nos colégios.

  • Negócios do fogo
    22:00
  • "Não podemos gastar o dinheiro e depois os filhos e os netos é que pagam"
    2:05

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o reembolso antecipado ao FMI. O comentador da SIC defendeu que seria mais vantajoso se Portugal reembolsasse mais depressa, antes da subida das taxas de juro. Miguel Sousa Tavares considerou ainda que o reembolso da dívida é uma boa notícia, pois seria "desleal" deixar a dívida para "os filhos e os netos" pagarem.

    Miguel Sousa Tavares

  • Os efeitos da tempestade Ana em Portugal
    1:43
  • Porque têm as tempestades nomes?
    0:49

    País

    As tempestades passaram a ter um nome, partilhado pelos serviços de meteorologia de Portugal, França e Espanha. Nuno Moreira, chefe de divisão de previsão meteorológica do IPMA, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias para explicar que este método é também uma forma de sinalizar a dimensão das tempestades.

  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59

    Mundo

    A tempestade Ana não causou apenas estragos em Portugal, mas também na Galiza, com a queda de árvores e cheias nas zonas ribeirinhas. No norte da Europa, as baixas temperaturas provocaram fortes nevões e paralisaram a Grã-Bretanha, com voos cancelados, escolas fechadas e estradas cortadas.

  • "De repente ele estava em cima de mim a beijar-me e a apalpar-me"
    2:43