sicnot

Perfil

País

Luxemburgo deverá avançar com a data de venda da Herdade da Comporta

As datas para avançar com a venda da Herdade da Comporta serão avançadas pelo Luxemburgo onde está a decorrer o processo, de acordo com a Procuradoria Geral da República.

A propriedade faz parte dos ativos que a Espírito Santo International e a Rioforte continuam sem poder vender, por ter sido penhorada pela justiça portuguesa em 2015.


A apreensão feita ao Grupo Espírito Santo servia para salvaguardar a existência de fundos que pagassem eventuais indemnizações futuras.


Nessa altura, a venda da herdade já estava em curso, mas foi suspensa por causa da penhora e, desde então, existem conversações para proceder ao levantamento dos mesmos.

  • Rioforte quer voltar a ter a herdade da Comporta

    Economia

    A administração da Rioforte quer voltar a ter a herdade da Comporta. A empresa, segundo noticia o Diário Económico, entrou com um pedido no tribunal para levantar o arresto judicial decretado pelo Ministério Público e que foi executado em maio.

  • Venda da Herdade da Comporta está suspensa

    Queda do BES

    A venda da Herdade da Comporta está suspensa. A herdade, que pertence à família Espírito Santo, já tinha chamado a atenção de vários investidores porém, na sequência dos problemas jucidiais do GES, os potenciais compradores têm-se afastado do processo de venda.

  • Bernardo Silva no City? O que Pep Guardiola disse ao português na Champions
    0:34
  • A promessa e a peregrinação do Presidente no Luxemburgo
    2:28
  • "O Brasil não parou e não vai parar"
    1:33

    Mundo

    O Presidente do Brasil diz ter condições para continuar à frente do Palácio do Planalto. Num vídeo publicado no Twitter, Michel Temer garante que o país não parou, nem vai parar, mas há uma nova gravação que pode comprometer o futuro do chefe de Estado.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57