sicnot

Perfil

País

JSD acusa que Mário Nogueira de "conviver mal com a liberdade alheia"

O líder da JSD, Simão Ribeiro, acusou hoje o secretário-geral da Federação Nacional dos Professores (Fenprof), Mário Nogueira, de conviver "mal com a liberdade alheia", afirmando que a estrutura partidária "não se deixa intimidar por ameaças de processo".

Secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira.Foto de arquivo.

Secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira.Foto de arquivo.

Esta resposta surge na sequência do polémico cartaz virtual da JSD no qual Mário Nogueira surge retratado como Estaline, a manipular o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, iniciativa que motivou a Fenprof a anunciar na terça-feira que vai processar aquela estrutura partidária por considerar o cartaz ofensivo.

"Uma das convicções que temos é encarar a liberdade de expressão enquanto caminho de duas vias: com maior ou menor contundência, criticamos e somos criticados. Porém, há em Portugal quem julgue estar imune à crítica e à divergência de opinião. É o caso de Mário Nogueira, para quem a liberdade de expressão só tem uma via: a sua", responde a JSD num comunicado intitulado "Mário Nogueira convive mal com a liberdade alheia".

Simão Ribeiro avisa Mário Nogueira que "a JSD não se deixa intimidar por ameaças de processo nem por processos de ameaça".

"Temos todo o gosto em defrontar esta força sindical no nobre palco político mas se estes preferem a judicialização da política portuguesa, lá nos encontraremos", atira.

Voltando a justificar o cartaz, o líder da juventude partidária afirma que "da mesma forma que Estaline se achava o único interpretador correto do comunismo, Mário Nogueira acha-se o único interpretador correto da boa conduta na escola pública e dos bons exemplos educativos".

"Reforça portanto a ideia de que Mário Nogueira e outros figurões da extrema-esquerda só gostam da democracia quando esta lhes serve os interesses", condena.

Segundo Simão Ribeiro, "ao mesmo tempo que acusa a JSD, Mário Nogueira utiliza meios menos próprios até para com órgãos de soberania".

"Foi o que aconteceu há dias quando o seu líder, Mário Nogueira, sugeriu que a defesa dos contratos de associação tem "motivações de ordem financeira" que passam por meter muito dinheiro dos contribuintes ao bolso", criticou.

A JSD recorda ainda que a estrutura sindical "chegou a usar a palavra 'roubo', num cartaz em que figuravam Pedro Passos Coelho, Nuno Crato e Vítor Gaspar".

Lusa

  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • Obama diz que não fica em silêncio se os valores do país forem ameaçados
    2:26
  • CIA desvenda segredos de quase 50 anos de História

    Mundo

    A CIA publicou online quase 12 milhões de documentos confidenciais. Basta uma ligação à Internet para navegar por entre 50 anos de relatórios outrora secretos. Entre os milhões de páginas, estão documentos sobre um eventual assassínio de Fidel Castro, detalhes sobre os crimes de guerra nazis, relatórios sobre avistamentos de OVNI e um estudo sobre telepatia denominado "Projeto Star Gate".

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..