sicnot

Perfil

País

Chuva "um bom prenúncio" para o encontro com Marcelo, disse Merkel

Já terminou a reunião entre Marcelo Rebelo de Sousa e a chanceler alemã, Angela Merkel, um dos pontos altos da visita do Presidente da República à Alemanha.

Quando o Presidente da República chegou estava a chover. A chanceler alemã comentou que a chuva era um bom prenúncio para o encontro.

Quando o Presidente da República chegou estava a chover. A chanceler alemã comentou que a chuva era um bom prenúncio para o encontro.

© Fabrizio Bensch / Reuters

Marcelo confirmou que um dos temas abordados seria a eventual aplicação de sanções de Bruxelas a Portugal por causa do défice excessivo.

Quando o Presidente da República chegou estava a chover. A chanceler alemã comentou que a chuva era um bom prenúncio para o encontro. Só são esperadas declarações durante a tarde.

  • Presidente alemão elogiou os esforços de Portugal
    2:24

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa encontrou-se hoje com o seu homólogo alemão, em Berlim, que elogiou os esforços de Portugal mas não comentou eventuais sanções de Bruxelas. O Presidente da Alemanha disse, numa conferência de imprensa conjunta em Berlim com o Presidente da República, que reconhece o esforço feito por Portugal nos últimos anos, mas rejeitou "imiscuir-se" na questão das eventuais sanções, principal assunto que Marcelo tenciona abordar hoje com as autoridades alemãs, durante a visita oficial à capital alemã.

  • Visita do Presidente da República à Alemanha em análise
    4:36

    País

    O Presidente da República chegou ontem a Berlim para uma visita oficial de dois dias, que tem como objetivo fundamental sensibilizar as autoridades alemãs para a "injustiça" que representaria a aplicação de sanções a Portugal devido ao défice. Ricardo Costa e José Gomes Ferreira analisam a importância económica e política desta deslocação de Marcelo Rebelo de Sousa à Alemanha.

  • Bataglia deixou passar 12 milhões pela sua conta a pedido de Salgado
    2:05

    Operação Marquês

    O presidente da Escom e arguido na Operação Marquês Helder Bataglia terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, amigo de José Sócrates. O amigo de Sócrates e Bataglia terão combinado várias formas de não levantar suspeitas. A notícia é avançada pelo jornal Expresso na edição deste sábado.

  • Dirigente derrotado da Gâmbia concorda em ceder poder

    Mundo

    O ex-presidente e candidato derrotado das eleições na Gâmbia, Yahya Jammeh, concordou em ceder o poder ao novo Presidente do país, empossado na quinta-feira, indicou esta sexta-feira um responsável governamental senegalês.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.