sicnot

Perfil

País

Banco de Sangue Animal tem cães e gatos dadores e quer angariar coelhos e furões

O Banco de Sangue Animal (BSA), criado há cinco anos, no Porto, conta atualmente com uma lista de dadores de 500 cães e 300 gatos e prevê disponibilizar unidades de sangue de coelho dentro de quatro meses.

Em declarações hoje à Lusa, o médico veterinário Rui Ferreira, criador do projeto, explicou que além da angariação de dadores coelhos, que decorre, prevê também alargar o projeto a outros animais exóticos, como os furões, por exemplo.

"Em Portugal, não é muito frequente encontrar furões como animais de companhia, mas eles existem e são muito dóceis, já em Espanha [onde Rui Ferreira abriu uma filial do BSA há cerca de um ano, em Barcelona] a adoção de furões para companhia é normal", disse.

Segundo o veterinário, com um doutoramento na área da medicina transfusional em cães, são feitas em media, por mês, em Portugal, cerca de 200 transfusões de sangue, estimando que em cinco anos de funcionamento do banco tenham sido salvos cerca de 10 mil animais.

Esta unidade privada, com laboratório no Hospital Veterinário da Universidade do Porto, no âmbito de um protocolo estabelecido entre as duas entidades, pretende ser "uma plataforma de contacto entre os animais dadores que, de uma forma voluntária, pretendem ajudar outros animais e os pacientes críticos de clínicas e hospitais de todo o país, que precisam de realizar transfusões de sangue".

"Trabalhamos para que todas as transfusões sejam feitas com componentes sanguíneos seguros e livres de agentes infecciosos, garantindo a prestação de melhores cuidados médicos", disse Rui Ferreira, que dispõe de um outro laboratório em Linda-a-Velha e trabalha em articulação com clínicas e hospitais veterinários de todo o país, o que permite responder rapidamente a situações de emergência.

As dádivas, segundo explicou à Lusa, são voluntárias e podem ser feitas a cada três meses, desde que os animais sejam saudáveis.

No caso dos gatos, devem ter entre um e oito anos, mais de três quilos e viver dentro de casa, sem contacto com gatos de rua. Os cães devem ter também entre um e oito anos e pesar mais de 25 quilos.

No laboratório é feita a a separação dos vários componentes sanguíneos, segundo as normas e protocolos de bancos de sangue humanos. "Desta forma, a partir de uma unidade de sangue total conseguimos produzir diversos componentes - concentrado de eritrócitos, plasma, concentrado de plaquetas -, permitindo tratar vários animais com uma só dádiva de sangue", afirmou o especialista.

Os dadores têm direito a vacinas, desparasitação, análises clínicas e colocação de chips de identificação, gratuitos.


Lusa

  • Grupo Lobo garante que é possível a coexistência do predador e animais domésticos
    4:16

    País

    Desde 2012 que os ataques de lobos têm ganho dimensão. Já lá vão quatro anos em que dezenas de criadores de gado da Beira Interior manifestam revolta pela perda dos animais e por receberem do Estado menos do que o valor real das crias. O Grupo Lobo que assume a proteção do lobo ibérico como uma prioridade e diz que é possível a coexistência do predador com os animais domésticos. Na Guarda, há uma estratégia no terreno que passa pelo uso de cães para combater os lobos.

  • Fuga de ácido em camião corta EN1 em Gaia

    País

    Uma fuga de gás clorídrico do contentor de um camião que circulava na zona de Pedroso em Vila Nova de Gaia obrigou ao corte do trânsito na EN 1, no sentido Norte/Sul.

    Em desenvolvimento

  • Polémica sobre offshore intensifica guerra de palavras entre PSD e Governo
    2:39
  • DGO divulga hoje execução orçamental de janeiro

    Economia

    A Direção-Geral do Orçamento (DGO) divulga hoje a síntese de execução orçamental em contas públicas de janeiro, sendo que o Governo estima reduzir o défice para 1,6% do Produto Interno Bruto (PIB) em contabilidade nacional em 2017.

  • Paulo Fonseca e Paulo Sousa fora da Liga Europa

    Liga Europa

    A segunda mão dos 16 avos-de-final da Liga Europa ficou marcada pelas eliminações de duas equipas treinadas por portugueses: a Fiorentina de Paulo Sousa e o Shakhtar Donetsk de Paulo Fonseca. Paulo Bento, no Olympiacos, e José Mourinho, no Manchester United, são os únicos técnicos lusos ainda em competição. Noutros jogos, destaque para os afastamentos do Tottenham e do Zenit. Veja aqui os resumos de todos os encontros desta noite europeia. O sorteio dos oitavos-de-final está agendado para esta sexta-feira, às 12h00, hora de Lisboa.

  • "Não preciso de ajustar contas com ninguém"
    0:49

    País

    O ex-Presidente da República insiste que José Sócrates foi desleal durante as negociações do Orçamento do Estado para 2011. Numa entrevista dada à RTP1, Cavaco Silva esclareceu ainda que não escreveu o livro de memórias para ajustar contas com o ex-primeiro-ministro.

  • Sócrates em processo judicial surpreende Cavaco
    0:18

    País

    Cavaco Silva afirmou ter ficado surpreendido com o envolvimento de José Sócrates num processo judicial. Em entrevista à RTP1 o ex-Presidente da República diz que nunca se apercebeu de qualquer "atuação legalmente menos correta" da parte de Sócrates.

  • PSD questiona funcionamento da Assembleia da República
    2:39

    Caso CGD

    O PSD e o CDS vão entregar esta sexta-feira no Parlamento o pedido para criar uma nova Comissão de Inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos. Os dois partidos reuniram-se esta quarta-feira para fechar o texto do requerimento. Durante o dia, o PSD considerou que o normal funcionamento da Assembleia da República está em causa, o que levou Ferro Rodrigues a defender-se e a garantir que está a ser imparcial.

  • Marcelo rejeita discussões menores na banca
    0:32

    Economia

    O Presidente da República avisa que não se devem introduzir querelas táticas e menores no sistema financeiro. Num encontro que reuniu publicamente Marcelo e Centeno, o Presidente diz que é preciso defender o interesse nacional.

  • Três dos planetas encontrados podem conter água e vida
    3:28
  • Túnel descoberto em cadeia brasileira tinha ligação a uma habitação
    0:44

    Mundo

    A polícia brasileira descobriu um túnel que ligava a cadeia de Porto Alegre a uma casa e serviria para libertar prisioneiros do estabelecimento. As autoridades detiveram sete homens e uma mulher no local. A construção permitiria uma fuga massiva que poderia chegar aos 200 mil fugitivos e estima-se que terá custado mais de 300 mil euros. A polícia do Rio Grande do Sul acredita, assim, ter impedido aquela que seria a maior fuga de prisioneiros de sempre no Estado brasileiro.