sicnot

Perfil

País

FENPROF entregou mais de 71 mil assinaturas na AR em defesa da escola pública

A Federação Nacional dos Professores (FENPROF) entregou hoje no parlamento mais de 71.000 assinaturas de cidadãos com capacidade eleitoral, em defesa da escola pública, anunciou o secretário-geral da estrutura sindical, Mário Nogueira.

(Arquivo)

(Arquivo)

"Não são assinaturas de crianças obrigadas a assinar cartas e abaixo-assinados nas salas de aula", frisou Mário Nogueira em declarações aos jornalistas à entrada para a Assembleia da República.

Além da via eletrónica, que registou cerca de 20.500 assinaturas, foram também recolhidas subscrições em papel, ao longo de duas semanas, totalizando hoje ao fim da manhã 71.123.

A petição vai continuar disponível, mas é já "a maior de sempre", segundo o dirigente sindical.

A FENPROF vai também entregar no Ministério da Educação, sob a forma de abaixo-assinado, o conjunto de assinaturas em defesa da escola pública.

Durante a tarde, vai decorrer no centro de Lisboa uma Tribuna Pública, aberta a toda a população, e que contará com testemunhos da historiadora Raquel Varela, da investigadora Ana Benavente e do deputado do PCP Miguel Tiago, entre outros, de acordo com a organização.

Este será também um momento de mobilização para a manifestação agendada para o dia 18, em Lisboa, em defesa da escola pública.

Trata-se, segundo Mário Nogueira, de afirmar a vontade dos portugueses em ter uma rede pública de ensino universal, gratuito e de qualidade.

Em resposta aos patrões que se afirmam preocupados com eventuais despedimentos nos colégios devido ao corte de financiamento nos contratos de associação com o Estado, Mário Nogueira respondeu: "Essa entidade empregadora que agora se diz preocupada com o desemprego, aumentou o horário de trabalho dos professores e atirou para o desemprego centenas de professores".

Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta esta terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • O preconceito em relação aos transexuais
    34:09
  • "Isto destrói famílias"
    0:46
  • Falta de gado ameaça produção do queijo da Serra da Estrela
    3:35

    País

    A devastação provocada pelos últimos incêndios foi um rude golpe na economia da região Centro do país. Algumas empresas já começaram os trabalhos de reconstrução, mas os produtores de gado temem não conseguir repôr os animais, deixando em risco a produção do queijo Serra da Estrela.

  • Eurodeputados homenageiam vítimas dos fogos
    1:38

    País

    A União Europeia vai doar os 50 mil euros do prémio Princesa das Astúrias às populações afetadas pelos incêndios em Portugal e Espanha. A Comissão Europeia continua a avaliar o pedido ao Fundo Europeu de Solidariedade, mas o pedido deverá ainda ser atualizado para incluir os prejuízos causados pelos incêndios da semana passada.

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.