sicnot

Perfil

País

Ministro da Educação considera que ano letivo "correu bem"

O ministro da Educação, Tiago Rodrigues, que em poucos meses acabou com as provas de avaliação dos professores e estabeleceu as provas de aferição para os alunos do básico, considerou hoje que o ano letivo "correu bem".

"Há algumas alterações que são introduzidas todos os anos que fazem parte de ajustamentos próprios para corrigir situações ou para alavancar situações que estavam a correr efetivamente bem", defendeu hoje Tiago Brandão Rodrigues, à margem das atividades de encerramento do ano letivo no Agrupamento de Escolas Miguel Torga.

No último dia de aulas para muitos dos estudantes do ensino básico e secundário, o ministro considerou que as provas de aferição que os alunos do ensino básico realizaram esta semana decorreram "com tranquilidade e serenidade".

"A tranquilidade e a serenidade que nós sempre anunciámos. Os diretores de escolas e os delegados regionais dizem-nos que todo o processo aconteceu com toda a normalidade. O ano escolar correu efetivamente bem, ainda que tenham sido introduzidas alterações", sublinhou o ministro da Educação.

Este ano letivo foi marcado por mudanças várias e a suspensão de algumas medidas criadas pela anterior equipa ministerial de Nuno Crato.

O parlamento acabou com os exames nacionais do 4.º e 6.ºanos e Tiago Brandão Rodrigues instituiu as provas de aferição para os alunos do 2.º, 5.º e 8.º anos.

Estas provas, ao contrário dos exames, já não contam para a nota final dos alunos.

Ao abrigo de um regime transitório, este ano as provas foram facultativas e cerca de metade das escolas não as realizou, com destaque para a região do Algarve, onde 57% dos diretores não aderiu à novidade.

Para o próximo ano letivo, o Ministério da Educação vai avançar com as tutorias nas escolas: professores que vão apoiar os alunos com mais problemas na escola e em casa para conseguir atacar o insucesso escolar.

Ajudar no estudo mas também a resolver problemas na escola e em casa são algumas das missões destes docentes que começam a trabalhar já em setembro com os alunos que tenham tido pelo menos duas retenções.

"O sucesso escolar tem de ser o desígnio primário e último de todo o sistema educativo. Toda e qualquer criança e jovem que estão no nosso sistema educativo tem de tendencialmente ter percursos educativos de sucesso", disse hoje Tiago Brandão Rodrigues, lembrando o Programa Nacional de Promoção do Sucesso Escolar lançado a 24 de março, Dia do Estudante.

Outra das novidades anunciadas pela equipa da Educação foi o fim da abertura de novas turmas de ensino vocacional no ensino básico.

O ano letivo ficou também marcado pela polémica em torno dos apoios estatais dados aos colégios privados que tinham contratos de associação.

A reavaliação da rede, promovida pela secretária de estado Alexandra Leitão, reduziu para metade o número de escolas que no próximo ano letivo vão poder abrir turmas de início de ciclo com apoio estatal, no âmbito dos contratos de associação.

O fim da Prova de Avaliação de Conhecimentos e Capacidades (PACC), promulgada na terça-feira pelo Presidente da República, foi uma medida de iniciativa parlamentar executada por esta equipa ministerial que é acusada pelo PSD e CDS/PP de ter a mesma agenda que a Fenprof, federação que desde sempre contestou a PACC e os contratos de associação.

Lusa

  • Sismo de magnitude 4,0 provoca um morto em Nápoles

    Mundo

    Um sismo de magnitude 4,0 na escala de Richter atingiu esta segunda-feira a ilha de Ísquia no golfo de Nápoles, no mar Tirreno, no sul de Itália. De acordo com o jornal La Stampa uma mulher terá morrido e dois feridos estarão em perigo de vida.

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Brasileiros procuram Portugal
    3:59

    País

    Viver em Portugal é hoje em dia um grande sonho da classe média brasileira. De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros, só em 2016, o número de vistos de residência aumentarem em mais de 30%. A língua, a segurança e a qualidade de vida são as razões apontadas para a mudança. Todos os dias, no consulado português no Rio de Janeiro, para a obtenção de vistos.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.